Publicidade

O Vasco enviou representantes para a primeira audiência pública promovida pelo Governo do Rio sobre a licitação do Maracanã. O estádio, que desde 2019 tem Flamengo e Fluminense como gestores provisórios, passará por processo de seleção para compromisso de 20 anos.

Ao contrário da dupla Fla-Flu, o Cruzmaltino tem seu próprio estádio e não pretende deixar de utilizá-lo. Mas a diretoria não quer ficar de fora da gestão do Maracanã por entender que ele será estratégico para o futuro do clube.

Maracanã tem novo gestor rival do Flamengo Edital para licitação do Complexo do Maracanã só deve sair em abril e Vasco vai participar (Divulgação)

– O Vasco entende que o Maracanã, com 78 mil torcedores de capacidade vai atender aos nossos grandes jogos. Recordo, o Vasco tem massa crítica, a torcida do Vasco gosta e enche o Maracanã, e nós vamos complementar nosso calendário com o estádio de São Januário, que é a nossa casa e que equilibra a oferta de jogos ao longo do ano – afirmou o VP geral Carlos Roberto Osório após o evento nesta quarta-feira.

Publicidade

Contrário a que a gestão do estádio fique com apenas um clube, o Governo estabeleceu como exigência a garantia de 70 jogos por ano. Assim, como isso não é possível para nenhum dos clubes pretendentes individualmente, isso induz a criação de parceria.

Leia Também:

Vasco amplia carga de ingressos após liberação da Prefeitura

Andrey minimiza fim de contrato: ‘Estou focado em colocar o Vasco na Série A’

Publicidade

– A quantidade será definida na conversa com os parceiros, mas evidentemente que o Vasco chega nessa conversa talvez de uma maneira diferente de Flamengo e Fluminense. Nós temos a nossa casa, queremos uma quantidade de jogos, não o total dos jogos do Vasco, mas uma composição que eu acho que facilita uma organização e o entendimento entre os clubes – esclareceu Osório.

O edital de licitação do Maracanã, entretanto, só deve estar pronto em abril de 2022. Outra audiência pública está prevista, além de reuniões com os clubes que querem participar do processo. Dos quatro grandes do Rio, só o Botafogo não manifestou interesse por ser o concessionário do Engenhão.

Relacionadas

'Furacão, Furacão'!! Torcedor zomba de derrota do Flamengo em vídeo hilário - Foto: Reprodução
Cheirinho está de volta, versão 2021 - Foto: Reprodução

Assim, por enquanto, Flamengo e Fluminense deverão seguir com a gestão do Maracanã.

Comentários