Publicidade

O Vasco vai enfrentar o Brasil de Pelotas nesta sexta-feira, pela 22ª rodada da Série B. A equipe gaúcha aparece na penúltima colocação na tabela, mas isso não significa que o Cruzmaltino terá vida fácil, segundo seus jogadores.

No primeiro turno, em Pelotas, o Vasco sofreu mas alcançou a vitória de virada. Agora, este confronto é de grande importância para ambos. Enquanto o Brasil precisa somar pontos fora de casa para fugir do rebaixamento, o Cruzmaltino quer se aproximar do G-4.

Léo Matos é peça importante no esquema do Vasco na Série B (Divulgação Vasco)

– O Brasil de Pelotas é uma equipe complicada de enfrentar. Na primeira partida, eles saíram na frente, abriram o marcador e trouxeram muitas dificuldades. Depois, corremos atrás, viramos o placar e conquistamos a vitória, mas foi muito complicado esse jogo. Não esperamos nada diferente em São Januário – afirmou o lateral direito Léo Matos.

Publicidade

Titular da equipe, Léo Matos chegou ao Vasco ano passado depois de muitos anos na Europa. Ele acaba de completar 50 jogos com a camisa vascaína e ressaltou a importância para o time da vitória sobre a Ponte Preta.

Leia também:

Diego Souza ou Nenê? Vasco monitora ex-jogadores para 2022

Vasco anuncia venda de atacante revelado pelo clube

Publicidade

– Essa vitória contra a Ponte Preta foi extremamente importante. Sabíamos que seria um jogo difícil, mas entramos em campo muito concentrados. Esse resultado era fundamental, principalmente porque vínhamos de três resultados negativos. Nossa equipe entrou super concentrada. Enfim, jogamos bem, vencemos por 2 a 0 e estamos prontos para a próxima – disse o jogador.

O Vasco precisa embalar na competição para seguir com chances de retornar à Série A em 2022. Para isso, os jogos em casa são fundamentais. Assim, a vitória sobre a Macaca tem de ser seguida por um novo triunfo em casa.