Publicidade

Senador da República, Romário não esquece o futebol. Mais precisamente o Vasco, clube com que tem mais identificação. O Baixinho cometou o atual momento do time, que vai disputar a Série B do Campeonato Brasileiro. E não poupou críticas.

Com adjetivos como ridículo e horroroso, o ex-jogador mostrou preocupação com os rumos do time na Segundona do Brasileirão. Segundo ele a atual trajetória da equipe serve apenas para deixar a torcida muito triste.

Romário fez história com a camisa do Vasco (Reprodução Youtube)

MAIS! Vasco fechou com Sarrafiore

Publicidade

Para embasar as suas declarações ele lembrou que em um campeonato frágil como o Carioca, o time terminou na quinta colocação. Assim soltou o verbo.

– O time do Vasco é ridículo, é horroroso. A torcida do Vasco não merece essa parada. Como que o Vasco vai ficar em  quinto no Carioca? O Vasco não pode passar por isso. Caiu de novo, a culpa não é deles. Mas o cara tinha que estar atento para fazer um time melhor e ficar entre os quatro. Nada contra o Volta Redonda, Portuguesa, mas Vasco é Vasco. O regulamento é feito para os quatro irem para a final. E o Vasco não foi nem para a final – disse ele ao “UOL”.

Baixinho nega torcer contra Salgado

Jorge Salgado Vasco Jorge Salgado é o presidente do Vasco. Mas Romário queria outro ( Foto: Rafael Ribeiro / Vasco)

O craque deixou claro que suas opiniões não têm aspecto político. Nas últimas eleições do Vasco, o ex-atacante se mostrou favorável ao resultado do pleito presencial que elegeu Leven Siano. O Baixinho considera que o segundo pleito, realizado de forma híbrida, online e presencial, não deveria ter sido legitimado.

Publicidade

– As pessoas entenderam que sou contra o Salgado. Não tenho nada contra ele. Ele é vascaíno nato, gosta do Vasco, acredito que as intenções dele sejam as melhores possíveis. Agora, ele perdeu a eleição, que não foi legítima. Na minha opinião, eleição legítima foi a do Leven. É politica, que infelizmente atrapalha o futebol e a política do Vasco já não é saudável há muitos anos – afirmou o senador.

Relacionadas

Fora das finais do Carioca, o Vasco decide neste sábado a Taça Rio, espécie de torneio de consolação que reuniu os times classificados entre o quinto e o oitavo lugares da primeira fase do Estadual. A final contra o Botafogo será em São Januário, às 15 horas. No jogo de ida o Vasco ganhou por 1 a 0. Assim passou a ter a vantagem do empate.

Comentários