Publicidade

Zé Ricardo era o favorito do Vasco para substituir o português Ricardo Sá Pinto. Era. O Gigante da Colina não chegou a acordo com o técnico, que recusou o convite vascaíno. Zé Ricardo deseja começar um trabalho do zero.

Zé Ricardo Vasco Zé Ricardo comandou o Vasco em 2017 e 2018 | Foto: Carlos Gregório / Vasco.com.br / Divulgação

O Gigante da Colina e Zé Ricardo negociavam há dois dias. O técnico ficou inclinado a aceitar o convite, mas recuou pelo entendimento de que o melhor passo para a carreira é começar um trabalho do zero. Ele tem sondagens do futebol japonês e do mundo árabe.

LEIA MAIS! Pode isso, Arnaldo? Os memes da demissão de Sá Pinto no Vasco

Publicidade

Zé Ricardo surgiu como principal nome para substituir Ricardo Sá Pinto, demitido nesta terça-feira, e para lutar pela permanência do Vasco na Série A. O clube está na zona de rebaixamento. Agora, o Gigante da Colina vai ter de buscar outro nome.

Zé Ricardo já comandou o Vasco

O técnico foi procurado pelo presidente Alexandre Campello e também por Alexandre Pássaro, que vai assumir o cargo de diretor do Vasco. Mas Zé Ricardo recusou o convite.

LEIA MAIS! Luxemburgo nega ter recebido convite do Vasco

Publicidade

Boa parte da torcida vascaína se animou com o possível retorno de Zé Ricardo. Ele comandou o clube em 2017 e 2018. Na ocasião, foi contratado para brigar para fugir do rebaixamento e levou o Gigante da Colina à Libertadores.

Em 2018, o técnico entregou o cargo. Ele alegou desgaste para pedir demissão.