Publicidade

O colombiano Freddy Guarín é uma das esperanças do Vasco para melhorar o desempenho da equipe em 2020. O jogador, entretanto ainda não está em condições de atuar por 90 minutos. Ele participou pela primeira vez do time este ano na partida do último sábado pela Taça Rio. No empate em 1 a 1 contra o Resende no Raulino de Oliveira, o volante foi acionado no segundo tempo e mostrou falta de ritmo.

Em entrevista no CT do Almirante nesta quarta-feira, o técnico Abel Braga reconheceu que a condição física do jogador ainda não é 100%. O treinador confirmou que Guarín estará em campo na partida desta quinta, pela segunda fase da Copa do Brasil. Entretanto, evitou dizer se ele começará jogando contra o ABC ou se vai entrar no decorrer da partida.

Publicidade

“O Guarín não tem condição de suportar 90 minutos. Ontem andei conversando com ele e ele me falou exatamente isso,” disse Abel.

“Então a possibilidade de começar é boa. Fazer o contrário (em relação ao jogo com o Resende). Talvez ele comece e depois sai. Pode ser que isso dê uma carga emocional e de experiência melhor para a equipe no início,” completou.

Leia também: Vasco busca reforços entre seus afastados e acerta com Winck

Martín Benítez descartado

Publicidade

Sobre o aproveitamento do atacante Martín Benítez, Abel descartou a presença dele contra o ABC. Contratado na semana passada, o argentino apresenta um desconforto na coxa direita e sua estreia não está garantida nem para a partida contra o Volta Redonda, no próximo domingo.

“No primeiro jogo da Sul-Americana (ainda pelo Independiente) contra o Fortaleza ele teve uma contusão na coxa e ainda não está 100%. Apesar de que ontem ele participou do aquecimento só pra ver como sentia. Ele está entusiasmado, ele está contente, ele está feliz, mas não está liberado ainda pelos departamentos médico e físico,” explicou Abel.