Publicidade

O Vasco voltou a perder na Série B do Brasileirão. Após a boa vitória por 3 a 0 sobre o CRB-AL, o Cruzmaltino caiu de virada por 2 a 1 para o Cruzeiro, em Belo Horizonte. Mas para o técnico Marcelo Cabo, o Vasco conseguiu ter um bom volume de jogo e o que faltaram foram os gols.

A equipe de São Januário começou bem o jogo e abriu o placar aos 8 do primeiro tempo, mas sofreu o empate aos 14 em lance de bola parada. Aos 27, o Cruzeiro virou o jogo, e, aos 35, o árbitro expulsou um jogador de cada equipe.

Marcelo Cabo (Reprodução Vasco TV)

– Até a expulsão, a gente estava muito bem organizado no jogo, apesar de duas situações que o Cruzeiro virou o jogo. Depois da expulsão a gente demorou a se organizar. E aí o Cruzeiro abdicou da bola e se você for analisar, a posse de bola eu acho que a gente teve. Um volume muito maior de jogo e eles se propuseram a jogar no contra-ataque. O que faltou foi transformar esse volume e essa posse de bola em gols – analisou Cabo em coletiva na Vasco TV.

Relacionadas

Sem tempo pra lamentar

Publicidade

O treinador mantém o foco na competição que está apenas na sexta rodada e no próximo domingo já tem jogo.

– Mas infelizmente é um resultado negativo e a gente só tem três dias pra poder pensar no próximo jogo, então não tem tempo para lamentar. A gente fica muito triste e chateado, pois vinha num momento bom pra buscar essa vitória aqui mas a gente não obtém. E agora é pensar a partir de amanhã no próximo jogo do Brusque, que a gente tem que buscar essa vitória em casa – completou.

Mais! Sonho antigo! Vasco apenas monitora a situação de Alex Teixeira

Publicidade

O duelo entre Vasco e Brusque-SC pela sétima rodada será em São Januário, às 21 horas de domingo. Com a derrota no Mineirão, o Cruzmaltino caiu uma posição na tabela, para o décimo lugar, com sete pontos. O Brusque aparece em quinto com três pontos a mais.

Comentários