Publicidade

A derrota de 2 a 1 para o Londrina em casa deixou revoltada a torcida do Vasco. Mas alguns torcedores ilustres resolveram se manifestar. Maior ídolo da história do clube, o ex-artilheiro Roberto Dinamite desabafou.

Com o time jogando em São Januário Dinamite esperava outra postura. A equipe de Lisca não fazia uma partida ruim e chegou a abrir o marcador no início do segundo tempo. Entretanto, em falhas individuais da defesa, acabou tomando a virada.

Dinamite apoia o Vasco. Mas está revoltado (Foto: Divulgação)

A derrota veio justamente no momento que o time buscada uma arrancada e tinha chance de finalmente entrar no G-4. Esta foi o terceiro revés em São Januário só na primeira metade deste Brasileiro. Uma campanha em casa que preocupa o ídolo Roberto Dinamite.

Publicidade

– Eu sou do tempo em que a gente jogando em casa, a gente tinha que marcar pressão, adiantar. Não deixar os caras respirarem – afirmou o ex-jogador e ex-presidente do Vasco.

Dinamite ensina o caminho

Dinamite disse o que acha que está faltando ao time, especialmente quando joga em casa.

– Nesse momento, eu acho que é uma iniciativa maior, de querer vencer. E a forma de você mostrar que você quer, que você está buscando o resultado, é você fazer isso. Ter uma aplicação maior, uma definição maior, e até dentro daquilo que é a proposta do próprio técnico. Dentro do campo você tem que sentir o jogo, e acho que o jogador para mostrar isso, não precisa dar pancada, ser agressivo. Ele tem que fazer a parte dele e aquele algo mais – disse.

Publicidade

MAIS! Ricardo Graça falhou. Mas assumiu

Para alcançar o acesso à Série A, o Vasco vai precisar melhorar o aproveitamento de apenas 49,1% da primeira metade da competição. Com 28 pontos, a equipe caiu para a décima colocação na tabela.

Relacionadas

Lisca Vasco

Neste sábado, o Cruzmaltino encara uma pedreira em Ponta Grossa, no Paraná, diante do Operário, nono colocado. Na primeira rodada, a equipe paranaense venceu em São Januário por 2 a 0.

Comentários