Publicidade

O zagueiro Cléber poderia defender as cores do Vasco. Mas não conseguiu porque o Santos não liberou o jogador. O atleta vive uma situação conflituosa com o Santos e o Vasco acreditou ser uma oportunidade no mercado.

Encostado no Peixe, o jogador de 30 anos poderia se encaixar no perfil de negócio que a diretoria cruzmaltina busca.

Cléber está insatisfeito no Santos (Foto: Ivan Sartori/Santos)

Mas, segundo o próprio jogador, a equipe da Baixada Santista não quis conversa. Em entrevista em tom de desabafo ao UOL Esporte, Cléber revelou as sondagens que recebeu.

Publicidade

– Teve proposta do Vasco e do Goiás, meus empresários conversaram comigo, mandaram mensagens para eles, do Santos. Disseram que não aceitariam, que só aceitariam a rescisão. Que não estavam dispostos a me liberar. Forçando minha saída – contou.

MAIS! Werley troca Vasco por Atlético-GO

O Santos investiu 2 milhões de euros em dezembro de 2016 para repatriar Cléber, que estava no Hamburgo, da Alemanha. Mas o zagueiro disputou apenas dez partidas pelo Peixe e foi emprestado a Coritiba (2017), Paraná (2018), Oeste-SP (2019) e Ponte Preta (2020).

Relacionadas

Publicidade

Cléber tem contrato com o Santos até dezembro de 2022. Afastado do elenco e treinando em separado, ele tenta um acordo para rescindir o vínculo e poder atuar por outra equipe. Mas o assunto não evoluiu.

 

Comentários