Publicidade

O Vasco conseguiu na última rodada a classificação para a próxima fase do Campeonato Brasileiro sub-20. Além de vencer o Santos por 4 a 1 fora de casa, o Cruzmaltino contou com a derrota do Fluminense para o Grêmio nas Laranjeiras. Assim, a equipe do técnico Igor Guerra avançou em oitavo lugar com 31 pontos, dois a mais que o Tricolor.

Nas quartas de final, o Vasco vai enfrentar o Flamengo, que fechou a primeira fase na liderança, com 39 pontos. Este será o único clássico regional da próxima fase da competição, mas além da dupla Vasco e Flamengo, o Botafogo também está na briga. O Alvinegro se classificou em sexto lugar e pegará o Atlético-MG.

Equipe sub-20 do Vasco consegue vaga nas quartas do Campeonato Brasileiro (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

A garotada vascaína vinha de uma derrota por goleada para o vice-líder Palmeiras na última rodada, quando caiu por 4 a 1 em São Januário. Mas a equipe soube manter o equilíbrio e passou com facilidade sobre o Peixe.

Publicidade

– Feliz demais pela vitória, pela classificação. O grupo todo está de parabéns. Os garotos vinham merecendo pelos jogos que vinham fazendo, pelos treinamentos, pela evolução, pelo empenho e pela dedicação nos treinamentos. Teve que ser sofrido, depender de outros resultados, mas graças a Deus deu tudo certo e fomos premiados pelo bom trabalho e por acreditar até o fim – comemorou Igor Guerra.

Leia Também:

Vasco tem teste de fogo para comprovar o ‘fator caldeirão’

Pendurados tiram o sono de Fernando Diniz no Vasco

Publicidade

O treinador cruzmaltino projetou o confronto decisivo diante do rival, que será em dois jogos, o primeiro em São Januário. As datas, entretanto, ainda não foram definidas.

– Vamos pensar no próximo jogo, um mata-mata, um clássico contra o Flamengo pela frente, dois jogos. A gente tem que manter o foco, manter o empenho, e querer evoluir cada vez mais – finalizou.

Relacionadas

Os outros confrontos das quartas de final terão Palmeiras (2º) x Inter (7º), Atlético-MG (3º) x Botafogo (6º) e São Paulo (4º) x Athletico-PR (5º).

Comentários