Publicidade

O PSG amargou mais uma frustração na Champions League, principal sonho do clube francês há anos. Comprado por um fundo de investimento do Catar, em 2011, o Paris Saint-Germain já conseguiu dominar o futebol da França. Entretanto, o maior passo – ganhar a Champions – ainda não foi dado. O MQJ Memória relembra as decepções do time no torneio.

A eliminação para o Real Madrid, na última quarta-feira, ainda está fresca e dói no PSG. O contexto é pesado – pela vantagem construída no jogo de ida e por sair na frente na Espanha – e também pelo investimento feito.

Galeria de Fotos

O PSG “apelou” nesta temporada. O clube francês foi protagonista no mercado da bola. Messi, Sergio Ramos, Wijnaldum, Donnarumma e Hakimi foram contratados para formar um supertime. O sucesso não veio na Champions League.

Relacionadas

Chelsea Premier League 2005
Ferguson e Cristiano Ronaldo

MQJ Memória relembra frustrações do PSG na Champions League

Publicidade

A primeira participação do “novo” PSG, sob o controle do grupo do Catar, na Champions League foi na temporada 2012/2013. Na ocasião, o elenco francês contava com nomes como Thiago Silva, Lugano, Maxwell, Beckham, Pastore, Lucas Moura, Lavezzi e Ibrahimovic.

Beckham PSG MQJ Memória Beckham se aposentou no PSG | Foto: KENZO TRIBOUILLARD/AFP via Getty Images

Na fase de grupos, o PSG avançou em primeiro lugar. Nas oitavas de final, derrubou o Valencia (ganhou na Espanha por 2 a 1 e empatou em casa por 1 a 1). O clube francês caiu nas quartas de final para o Barcelona.

MQJ Memória: os craques que defenderam PSG e Real Madrid

Publicidade

Na França, Matuidi, nos acréscimos, empatou para o PSG: 2 a 2. O clube francês levou um duro golpe no Camp Nou. Pastore abriu o placar, mas Pedro empatou para o Barcelona. O clube espanhol avançou graças ao critério do gol qualificado como visitante.

MQJ Memória: Barcelona teve Xavi e Ronaldinho na última participação na Liga Europa; relembre como foi

O carrasco do PSG na edição 2013/2014 foi o Chelsea. Novamente, o gol qualificado fora pesou. Após avançar em primeiro, o Paris Saint-Germain não teve dificuldade para despachar o Bayern Leverkusen (4 a 0 na Alemanha e 2 a 1 na França). Nas quartas de final, na ida, o PSG fez 3 a 1 nos ingleses. O Chelsea marcou na reta final na Inglaterra, fez 2 a 0 e eliminou os franceses.

Publicidade

MQJ Memória: o sufoco do Brasil nas Eliminatórias para Copa de 2002

Barcelona já castigou o PSG

O PSG deu o troco no Chelsea em 2015, mas voltou a ter o Barcelona como carrasco. Nas oitavas de final, o clube francês derrubou os ingleses com dois empates (1 a 1 na França e 2 a 2 na Inglaterra). Thiago Silva, na prorrogação, fez o gol de empate e foi o herói do PSG.

PSG Champions League 2015 Thiago Silva foi herói contra o Chelsea, em 2015 | Foto: IAN KINGTON/AFP via Getty Images

Neymar castigou o PSG nas quartas de final. O Barcelona venceu o jogo de ida, na França, por 3 a 1 – o brasileiro fez um gol. O Barça também venceu no Camp Nou, por 2 a 0, com dois gols de Neymar.

Neymar Barcelona PSG Champions League 2015 MQJ Memória Neymar já foi carrasco do PSG | Foto: David Ramos/Getty Images

Publicidade

Em 2016, nova queda francesa nas quartas de final. Após superar o Chelsea nas oitavas (com duas vitórias por 2 a 1), o PSG parou no Manchester City. Na França, empate por 2 a 2. O City avançou ao vencer, na Inglaterra, por 1 a 0.

MQJ Memória: a época em que Coutinho foi o ‘mágico’ do Liverpool

A queda nas oitavas de final da Champions League de 2017 foi pesada para o PSG. O clube francês fez 4 a 0 no Barcelona no jogo de ida. O Camp Nou presenciou uma classificação histórica.

Publicidade

O Barcelona abriu 3 a 0. Cavani diminuiu para o PSG. O clube espanhol, então, passou a precisar de mais três gols. O tempo se tornou inimigo, mas o milagre aconteceu. Neymar, aos 43 minutos, fez 4 a 1. Dois minutos depois, o brasileiro marcou de novo e deu esperança. A “loucura” aconteceu aos 50 minutos. Sergio Roberto fez 6 a 1 e impôs um duro golpe aos franceses.

Messi e Neymar comemoram classificação histórica | Foto: PAU BARRENA/AFP via Getty Images

Era Neymar tem frustrações no PSG

Já com Neymar e Mbappé, o PSG caiu para o Real Madrid nas oitavas de final da Champions League de 2018. No jogo de ida, vitória espanhola por 3 a 1. Na França, novo triunfo merengue, desta vez por 2 a 1. Neymar ficou fora do segundo jogo.

MQJ Memória: os vexames recentes do Barcelona na Champions League

Publicidade

O craque brasileiro perdeu os dois jogos na eliminação do PSG em 2019. O clube francês caiu para o Manchester United, nas oitavas de final. Na Inglaterra, o Paris Saint-Germain fez 2 a 0. Entretanto, o United deu o troco na França: fez 3 a 1, com o gol da classificação marcado aos 49 do segundo tempo.

MAIS! A famosa barca! PSG já prepara reformulação no elenco

O PSG bateu na trave em 2020. O Paris Saint-Germain foi vice-campeão da Champions League. O Bayern de Munique derrubou os franceses na final, com uma vitória por 1 a 0. No mata-mata, o Paris havia eliminado o Borussia Dortmund, a Atalanta e o Leipzig (as quartas de final e semifinal foram em jogo único, consequência da paralisação do futebol em função da pandemia).

Neymar PSG Champions League MQJ Memória A decepção de Neymar: Champions escapou | Foto: Imago Images

Publicidade

Na temporada passada, o PSG caiu na semifinal. No mata-mata, o clube francês eliminou o Barcelona nas oitavas de final (Mbappé fez um hat-trick na goleada por 4 a 1 na Espanha) e derrubou o Bayern de Munique nas quartas. O carrasco, então, foi o Manchester City. Na França, o City virou e venceu por 2 a 1. Em casa, o time de Pep Guardiola ganhou por 2 a 0 e carimbou a classificação.

Real Madrid tombou o clube francês

Agora, o badalado trio MNM sucumbiu a um inspirado Benzema, muito bem acompanhado por Modric e Vinicius Júnior. Na ida, na França, o PSG venceu por 1 a 0, gol de Mbappé.

LEIA MAIS! Mbappé vai assinar com Real Madrid na próxima semana

Publicidade

O astro francês ampliou a vantagem francesa no Santiago Bernabéu. O PSG saiu na frente, mas Benzema fez um hat-trick e definiu a vitória do Real Madrid por 3 a 1. O Paris Saint-Germain caiu mais uma vez.

Comentários