Publicidade

O domingo de Páscoa combina com chocolate, almoço de família e festa das crianças. Os mais religiosos comemoram a ressurreição de Jesus Cristo. Mas tem espaço para a bola rolar. A resposta é sim. Tradicionalmente tem futebol neste dia e com muitas histórias boas para contar. Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco protagonizaram alguns duelos marcantes na Páscoa.

Vasco e Flamengo fizeram clássico quente em 2000 (Foto: Reprodução TV)

Vasco e Flamengo comemoraram títulos sobre o rival em um domingo de Páscoa. Em um desses clássicos teve distribuição de ovos, chocolate em campo e embaixadinhas que fizeram o clássico terminar em pancadaria.

Leia também:

Publicidade

MQJ Memória: America e Bangu, símbolos de uma época que o Rio tinha 6 grandes
MQJ Memória: Dener, o mais parecido com Pelé
Filho de peixe, relembre pais e filhos do futebol
MQJ Memória: Jorge Mendonça, o substituto de Dinamite

Também tivemos desabado de artilheiro e atacante desequilibrando. O MQJ Memória de hoje relembra quando cariocas fizeram jogos marcantes na Páscoa:

2000 – Eurico distribuiu ovos. Mas as embaixadinhas…

Pedrinho fez embaixadinhas em 2000 (Foto: Reprodução TV)

O então vice-presidente de futebol do Vasco, Eurico Miranda, mandou distribuir ovos de Páscoa para a torcida vascaína. Mas quem garantiu em campo o chocolate foi o time da Colina, que conquistou a Taça Guanabara com direito a uma goleada de 5 a 1. Leandro Machado abriu o placar para os flamenguistas. Mas Felipe empatou. Aí foi a vez do show de Romário. O Baixinbho fez três gols e ainda viu Pedrinho fechar o placar.

Publicidade

Leia também:

MQJ Memória: Geraldo, o craque do Flamengo marcado por uma fatalidade
MQJ Memória: Margarida, o árbitro mais alegre da história do futebol

A partida ficou marcada pelas embaixadinhas feitas por Pedrinho, que irritiram Beto na reta final da partida. O fato gerou uma confusão generalizada e seis expulsões. Odvan, Viola e Alex Oliveira foram punidos com o cartão vermelho pelo Vasco. Luís Alberto, Beto e Fábio Baiano foram punidos pelo árbitro no lado flamenguista.

Publicidade

Leia também:

MQJ Memória: Artilheiro no Flamengo e goleiro no Palmeiras
MQJ Memória: Botafogo perdeu Clei, o lateral que morreu por engano
Elói, o craque que Pelé queria no Santos no MQJ Memória

No fim sobraram as gozações de Eurico Miranda.

Publicidade

– Se soubesse que ia ser assim nem tinha dado os ovos. O time deu chocolate para todo mundo – disse Eurico.

Leia também:

MQJ Memória: Mazolinha, o craque que virou pedreiro
MQJ Memória: Berg, o Anjo Louro do Botafogo
As zebras do futebol carioca: Relembre no MQJ Memória

2008 – WP deu show no massacre do Botafogo

Wellington Paulista fez a festa no Nilton Santos (Foto: Divulgação Botafogo)

Publicidade

O Botafogo recebeu o Macaé no Estádio Nilton Santos. Mas o placar torna aquele jogo diferente. O Alvinegro, então dirigido por Cuca, fez 7 a 0 no adversário. Um show de Wellington Paulista, que marcou quatro vezes. Lucio Flavio, Fábio e Triguinho definiram o marcador.

Leia também:

MQJ Memória: Ézio, porque super-herói é pra isso
Mário, o Maestro tricolor no MQJ Memória
MQJ Memória: Assis, o carrasco do Flamengo

2015 – ‘O Carioca tem que acabar’

Fred chutou o balde no Maracanã (Foto: Ferj)

Publicidade

Foi um clássico de meio de tabela no Maracanã, mas ficou marcado por uma polêmica. No fim do primeiro tempo, após sofrer falta na entrada da área, Fred caiu socando a bola. O árbitro o expulsou por entender que houve simulação. O artilheiro deixou o gramado revoltado e dizendo uma famosa frase:

– O Campoeonato Carioca tem que acabar – disse Fred, que depois seria punido pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj).

Leia também:

Publicidade

MQJ Memória: O adeus a Clébson! O substituto de Jorginho
MQJ Memória: Daniel González, o uruguaio que fez história no Vasco e no Corinthians

Em campo o Flamengo venceu com facilidade com gols de Jonas, Alecsandro e Matheus Sávio.

Leia também:

Publicidade

MQJ Memória: Zé Carlos, o Grandão do gol do Flamengo
MQJ Memória: Campeão mundial pelo Flamengo, Figueiredo morreu no auge da carreira 

2019 – Mengão garante o caneco

Flamengo ganhou o Carioca na Páscoa em 2019 (Foto: Flamengo)

O Flamengo entrou em campo naquele domingo de Páscoa podendo perder por um gol de diferença para ser campeão carioca. Mas o time dirigido por Abel Braga não queria confirmar o caneco dessa forma e tratou de repetir os 2 a 0 do jogo de ida. Willian Arão e Vitinho fizeram os gols do caneco.

Leia também:

MQJ Memória: Polêmica no Carioca faz o futebol relembrar Eduardo Viana, o Caixa D´água00
MQJ Memória: Vivinho, o gol de placa de São Januário
Nomes de animais, MQJ Memória relembra craques bichos
MQJ Memória: Carlinhos Violino, o interino acostumado a dar voltas olímpicas
MQJ Memória: Cláudio Coutinho montou o inesquecível Flamengo
Polêmicas entre Vasco e Fluminense? No MQJ Memória