Publicidade

A janela de inverno entra na reta final – os clubes das principais ligas europeias têm até o dia 31 para contratar. Até o momento, a transferência mais cara foi a de Pulisic. Por sinal, o Chelsea colocou o atacante norte-americano no Top 10 dos reforços mais caros da janela de inverno.

O brasileiro Philippe Coutinho é o atleta mais caro da história da janela de inverno, de acordo com dados do site “Transfermarkt”. Em janeiro do ano passado, o Barcelona não economizou para tirá-lo do Liverpool. O Brasil também domina em quantidade. São quatro atletas do país, contando com Diego Costa, entre os dez mais caros.

Publicidade

A janela de inverno de 2018 foi de impressionar e bateu recordes, tanto que cinco atletas negociados em janeiro do ano passado estão na lista dos mais caros da história do período.

LEIA MAIS

Neymar empata com Nenê e já é o 2º maior artilheiro brasileiro do PSG: veja o Top 5
#10YearsChallenge: os reforços mais caros do mercado da bola em 2009
Zagueiro entra no time de Saviola, Agüero, Icardi & Cia.: os jovens argentinos mais caros
Messi chega a 400 gols: veja os maiores artilheiros da história do Campeonato Espanhol

Os reforços mais caros da janela de inverno

1º – Philippe Coutinho

Publicidade

O Barcelona não mediu esforços para contratar o meia-atacante brasileiro. Philippe Coutinho já custou 130 milhões de euros (R$ 556 milhões, na cotação atual). A conta pode aumentar para 160 milhões de euros (R$ 685 milhões) com as variáveis previstas no acordo com Liverpool.

2º – Virgil van Dijk

O holandês se tornou o zagueiro mais caro da história na última janela de inverno. O Liverpool contratou o atleta, junto ao Southampton, por 78,8 milhões de euros (R$ 337 milhões, na cotação atual).

Publicidade

3º – Diego Costa

O brasileiro naturalizado espanhol deixou o Chelsea e voltou para o Atlético de Madrid numa transação de 66 milhões de euros (R$ 282 milhões, na cotação atual), na última janela de inverno.

4º – Aymeric Laporte

Publicidade

Guardiola reforçou a zaga do City na última janela de inverno com o jovem atleta francês. O clube inglês pagou 65 milhões de euros (R$ 278 milhões, na cotação atual) ao Athletic de Bilbao para ter Laporte.

5º – Pulisic

O jovem norte-americano de apenas 20 anos se tornou o quinto atleta mais caro da história da janela de inverno. O Chelsea contratou Pulisic, junto ao Borussia Dortmund, por 64 milhões de euros (R$ 274 milhões).

Publicidade

Pulisic fracassou na tentativa de classificar os Estados Unidos (Foto: Arquivo Bundesliga)

6º – Aubameyang

Na última janela de inverno, Aubameyang trocou o Borussia Dortmund pelo Arsenal. O clube inglês desembolsou 63,75 milhões de euros (R$ 273 milhões, na cotação atual) para ter o atacante.

7º – Oscar

Publicidade

O meia brasileiro trocou o Chelsea pelo Shanghai na janela de inverno da temporada 2016/2017. O clube chinês pagou 60 milhões de euros (R$ 257 milhões, na cotação atual) por Oscar.

8º – Fernando Torres

O Chelsea tirou o atacante espanhol do Liverpool, na janela de inverno da temporada 2010/2011, por 58,5 milhões de euros (R$ 250 milhões, na cotação atual).

Publicidade

9º – Alex Teixeira

O Jiangsu foi buscar Alex Teixeira no Shakhtar Donetsk na janela de inverno da temporada 2015/2016. O clube chinês pagou 50 milhões de euros (R$ 214 milhões, na cotação atual).

Alex Teixeira, formado no Vasco, destaque do Shakhtar

10º – Juan Mata

Publicidade

O meia espanhol trocou o Chelsea pelo Manchester United na janela de inverno da temporada 2013/2014. O United desembolsou 44,73 milhões de euros (R$ 191 milhões, na cotação atual).