Publicidade

Guardiola completou, nesta semana, dez anos como treinador. De lá para cá, conquistou 24 títulos, somando as trajetórias por Barcelona, Bayern de Munique e Manchester City, clube que dirige desde a temporada 2016/2017. E no mercado da bola? Quais foram os principais reforços de Guardiola? Os clubes não economizaram em contratações para o técnico, especialmente o City, que investiu 620,19 milhões de euros (R$ 2,7 bilhões) sob o comando de Pep.

Guardiola começou a 3ª temporada seguida pelo City | Foto: Manchester City / Divulgação

Ao todo, os times comandados por Guardiola gastaram 1,148 bilhão de euros (R$ 5 bilhões) no mercado da bola, sendo o Barcelona responsável por 342 milhões de euros (R$ 1,5 bilhão), o Bayern de Munique por 204,4 milhões de euros (R$ 900 milhões) e o City por 620,19 milhões de euros (R$ 2,7 bilhões).

LEIA MAIS

Publicidade

Top 10: os jogadores mais valiosos da Premier League
Premier League: os reforços mais caros dos clubes nesta janela de transferências
Top 10: os brasileiros mais caros na história da Premier League
As contratações mais caras das últimas dez janelas da Premier League

Com tanto dinheiro à disposição no Manchester City, o Top 10 dos atletas mais caros contratados por Guardiola é dominado pelo clube inglês, com oito jogadores. O líder da lista, ironicamente, é um atacante que não se deu muito bem com o técnico na época de Barcelona. Já o Bayern de Munique não tem atleta entre os dez reforços mais caros do técnico.

Os reforços mais caros de Guardiola

1º – Ibrahimovic – 69,5 milhões de euros (R$ 306 milhões)

O craque sueco foi contratado como reforço de peso para se juntar a Messi & Cia. no Barcelona na temporada 2009/2010. Não deu muito certo. Ele foi negociado na temporada seguinte. Até hoje, é o atleta mais caro contratado por Guardiola.

Publicidade

2º – Mahrez – 67,8 milhões de euros (R$ 298 milhões)

Contratação desta temporada – é o único reforço de peso do Manchester City -, Mahrez por pouco não desbancou Ibrahimovic. De qualquer maneira, é o segundo da lista.

3º – Aymeric Laporte – 65 milhões de euros (R$ 286 milhões)

Publicidade

Na temporada passada, Guardiola priorizou reforços para o setor defensivo. O Manchester City não economizou para atender aos pedidos do técnico. O zagueiro francês Laporte deixou o Athletic de Bilbao para se juntar ao treinador no City.

4º – Mendy – 57,5 milhões de euros (R$ 253 milhões)

O lateral-esquerdo francês também foi contratado pelo Manchester City na última temporada, junto ao Monaco.

Publicidade

5º – John Stones – 55,6 milhões de euros (R$ 244 milhões)

Reforço da temporada 2016/2017, a primeira de Guardiola à frente do Manchester City, o zagueiro chegou valorizado do Everton.

6º – Kyle Walker – 52,7 milhões de euros (R$ 232 milhões)

Publicidade

Outro reforço para o setor defensivo na temporada passada foi Walker. O lateral-direito (também atua como zagueiro) defendia o Tottenham.

7º – Sané – 50,5 milhões de euros (R$ 222 milhões)

O veloz e habilidoso ponta alemão desembarcou no Manchester City na temporada 2016/2017. Sané defendia o Schalke 04.

Publicidade

8º – Bernardo Silva – 50 milhões de euros (R$ 220 milhões)

Único reforço de peso para o setor ofensivo na última temporada, o meia português deixou o Monaco e se juntou a Guardiola no City.

9º – David Villa – 40 milhões de euros (R$ 176 milhões)

Publicidade

O atacante espanhol fez sucesso pelo Barcelona de Guardiola. Villa, que defendia o Valencia, foi contratado na temporada 2010/2011, logo após o fracasso com Ibrahimovic.

10º – Ederson – 40 milhões de euros (R$ 176 milhões)

Único brasileiro no Top 10, o goleiro brasileiro chegou ao Manchester City na temporada passada, após se destacar pelo Benfica.

Publicidade

Guardiola e Ederson: cavadinha vai colar? (Twitter Manchester City)