Publicidade

O Shakhtar Donetsk virou um reduto de atletas brasileiros. A nova contratação do clube ucraniano é o jovem atacante Tetê, de 19 anos, revelado pelo Grêmio. Ele vai se juntar a um time de compatriotas na Ucrânia. Além disso, Tetê entra para a lista dos brasileiros mais caros do Shakhtar.

Tetê aumenta time de brasileiros no Shakhtar Donetsk | Foto: Rodrigo Fatturi / Grêmio / Divulgação

O clube ucraniano desembolsou 10 milhões de euros (R$ 42 milhões) para contratar Tetê. O jovem atacante se torna o nono reforço mais caro da história do Shakhtar, de acordo com dados do site “Transfermarkt”. Entre os brasileiros, ele é o sétimo mais caro.

Tetê é o 12º atleta brasileiro do elenco do Shakhtar Donetsk. Além dele, o clube conta com lateral-esquerdo Ismaily, com volante Maycon, com meias Alan Patrick e Marcos Bahia e com os atacantes Dentinho, Wellington Nem, Marquinhos Cipriano, Fernando, Marlos, Júnior Moraes e Taison.

Os brasileiros mais caros do Shakhtar Donetsk

1º – Bernard

Publicidade

O meia-atacante é o mais caro da história do Shakhtar Donetsk. Bernard foi para a Ucrânia na temporada 2013/2014, após se destacar pelo Atlético-MG. Ele custou 25 milhões de euros (R$ 106 milhões, na cotação atual).

Bernard ficou cinco temporadas na Ucrânia | Foto: Divulgação Shakhtar

2º – Taison

Convocado por Tite para a Copa do Mundo da Rússia, Taison é o segundo brasileiro mais caro do Shakhtar Donetsk. Na temporada 2012/2013, ele foi contratado junto ao Metalist, também da Ucrânia, por 15,24 milhões de euros (R$ 65 milhões, na cotação atual).

Taison está na Seleção de Tite pelo desempenho no Shakhtar (Foto: Arquivo Shakhtar) Taison foi chamado para a Seleção Brasileira | Foto: Arquivo Shakhtar

3º – Fred

O Shakhtar Donetsk buscou Fred no Internacional. O volante foi para Ucrânia na temporada 2013/2014, comprado por 15 milhões de euros (R$ 64 milhões, na cotação atual). Antes da Copa, foi vendido ao Manchester United por 59 milhões de euros (R$ 251 milhões, na cotação atual).

Fred foi negociado com o Manchester United (Foto: Arquivo Uefa) Fred foi negociado com o Manchester United | Foto: Arquivo Uefa

4º – Willian

Publicidade

Quem também foi para o Shakhtar Donetsk com 19 anos foi Willian, na temporada 2007/2008, quando deixou o Corinthians. O clube ucraniano pagou 14 milhões de euros (R$ 59 milhões, na cotação atual) pela contratação.

Willian é uma das armas do Chelsea | Foto: Chelsea / Divulgação

4º – Matuzalém

Trocou o Brescia, da Itália, pelo Shakhtar Donetsk na temporada 2004/2005. Ele também custou 14 milhões de euros (R$ 59 milhões, na cotação atual) aos ucranianos.

Matuzalém na época de Verona, na Itália | Foto: Verona / Divulgação

6º – Fernando

Assim como Tetê, o volante também foi revelado pelo Grêmio. Fernando foi para o Shakhtar Donetsk na temporada 2013/2014, sendo comprado por 11 milhões de euros (R$ 46 milhões, na cotação atual).

Fernando defendeu o Shakhtar por duas temporadas | Foto: Divulgação

7º – Tetê

Publicidade

O jovem atacante aumenta o time brasileiro no Shakhtar Donetsk e a tradição do clube ucraniano de apostar em atletas do país.

Tetê se despediu do Grêmio | Foto: Rodrigo Fatturi / Grêmio / Divulgação

7º – Ilsinho

O lateral-direito deixou o São Paulo na temporada 2007/2008 e foi para o clube ucraniano, numa transação de 10 milhões de euros (R$ 42 milhões, na cotação atual).

Ao todo, Ilsinho disputou seis temporadas pelo Shakhtar | Foto: Divulgação

9º – Wellington Nem

Após se destacar com a camisa do Fluminense, o atacante foi comprado pelo Shakhtar Donetsk, na temporada 2013/2014, por 9 milhões de euros (R$ 38 milhões, na cotação atual).

Wellington Nem é um dos 12 brasileiros do atual elenco do Shakhtar | Foto: Shakhtar Donetsk / Divulgação

10º – Marlos

Publicidade

O meia-atacante trocou o Metalist pelo Shakhtar Donetsk na temporada 2014/2015. Marlos custou 8 milhões de euros (R$ 34 milhões, na cotação atual).

Marlos é ídolo na Ucrânia (Foto: Reprodução Youtube) Marlos é ídolo na Ucrânia (Foto: Reprodução Youtube)