Publicidade

É oficial: não vai haver Olimpíadas neste ano. O evento de Tóquio foi adiado oficialmente para 2021, conforme anunciado pelo primeiro-ministro japonês Shinzo Abe. O anúncio foi feito logo após uma conversa telefônica com o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach.

Premier japonês Shinzo Abe anuncia oficialmente o adiamento dos Jogos Olímpicos Premier japonês Shinzo Abe anuncia oficialmente o adiamento dos Jogos Olímpicos

De acordo com o que foi anunciado na televisão pública japonesa NHK: “Todos concordam 100%, portanto os Jogos Olímpicos estão adiados para o próximo ano”.

Inicialmente, as hipóteses de um adiamento para agosto e setembro haviam surgido, mas eram apenas expectativas, nada de concreto. O último empurrão na direção do adiamento veio durante a noite desta segunda-feira, quando o Comitê Olímpico dos Estados Unidos fez uma declaração.

Publicidade

“Agradecemos a todos os nossos atletas por compartilharem nosso compromisso contra o Covid-19. Nossa promessa é sempre colocar os atletas em primeiro lugar. Nossa conclusão é que, dadas as preocupações com a saúde de todos os atletas, as interrupções no treinamento e a impossibilidade de completar as qualificações, fica claro mais do que nunca que o adiamento é a possibilidade mais convincente e incentivamos o COI a tomar todas as medidas necessárias para garantir que os Jogos possam ser disputados com segurança. Aguardamos a resposta do Comitê pronto para trabalhar como uma Equipe dos EUA em total colaboração com a comunidade global “.

O vírus também está se espalhando muito rapidamente nos Estados Unidos: mais de 40.000 estão infectados. O centro da epidemia nos EUA está em Nova York.

Leia também:

Coronavírus: Wolfsburg volta aos treinos sob chuva de críticas