Publicidade

A expressão é batida: “O time tal é uma seleção”. Muitos, realmente, chegam perto disso. É o caso do Manchester City. O clube inglês é o que mais tem atletas na Copa do Mundo da Rússia. O time de Guardiola cedeu 16 jogadores para oito países (Inglaterra, Bélgica, Brasil, Argentina, Portugal, Alemanha, França e Espanha).

Danilo, Jesus, Fernandinho e Bernardo Silva estão na Copa | Foto: Manchester City / Divulgação

O City terá jogadores de todas as posições no Mundial da Rússia, do goleiro (o brasilero Ederson) ao atacante (seja Gabriel Jesus ou Aguero). Além deles, De Bruyne, Sterling, Stones, Walker, Bernardo Silva, Gündogan, Wendy, Otamendi, David Silva, Danilo, Delph, Fernandinho e Kompany.

Leia também:

Publicidade

‘Time’ dos 100 milhões de euros: os atletas mais valiosos da Copa do Mundo
Top 10: os jogadores mais valiosos que estão fora da Copa do Mundo
Os técnicos do Brasil em todas as Copas: Tite se junta a seleto grupo
Seleção Brasileira dos não convocados? Brasil teria um time de respeito

O Real Madrid é o segundo clube com mais jogadores na Copa do Mundo: são 15 atletas em oito países. O Barcelona, com 14 atletas de nove países diferentes, fecha o pódio.

Premier League ‘domina’ a Copa do Mundo

Entre as ligas do mundo, a Premier League sobra na turma. O Campeonato Inglês teve 108 jogadores convocados para o Mundial. A Liga Espanhola aparece na segunda colocação, com 30 atletas a menos. A Bundesliga, com 62, ficou com o terceiro lugar.

Publicidade

O Campeonato Brasileiro aparace na 22ª posição, empatado com o Campeonato Argentino, com nove atletas na Copa do Mundo: Cássio, Fágner e Geromel (trio da Seleção), Trauco, Cueva e Guerrero (Peru), Martín Silva e Arrascaeta (Uruguai) e Borja (Colômbia).

Top 10 dos clubes na Copa do Mundo

1º – Manchester City – 16 jogadores
2º – Real Madrid – 15 jogadores
3º – Barcelona – 14 jogadores
4º – Tottenham, Paris Saint-Germain e Chelsea – 12 jogadores
5º – Bayern de Munique, Manchester United e Juventus – 11 jogadores
6º – Atlético de Madrid, Al-Ahli e Alh-Hilal – 9 jogadores
7º – Liverpool, Leicester e Monaco – 8 jogadores
8º – Arsenal, Borussia Dortmund, Mönchengladbach e El Ahly – 7 atletas
9º – Napoli, Sporting, CSKA, Sevilla, Lokomotiv, Frankfurt e Zenit – 6 atletas
10º – Stoke, Milan, Sampdoria, Benfica, Porto e Feyenoord – 5 atletas

Top 10 das ligas nacionais na Copa do Mundo

1º – Premier League – 108 jogadores
2º – Campeonato Espanhol – 78 jogadores
3º – Bundesliga – 62 jogadores
4º – Campeonato Italiano – 58 jogadores
5º – Campeonato Francês – 47 jogadores
6º – Campeonato Russo – 36 jogadores
7º – Campeonato da Arábia Saudita – 30 jogadores
8º – Campeonato Chinês – 22 jogadores
9º – Championship (Segunda Divisão da Inglaterra) e Campeonato Mexicano – 21 jogadores
10º – Major League (Estados Unidos) – 19 jogadores

Publicidade

* dados do site “Transfermarkt”