Publicidade

Da nova geração de técnicos, Alberto Valentim conquistou o primeiro título da carreira, neste domingo, na vitória do Botafogo sobre o Vasco, nos pênaltis, no Maracanã. Valentim é o 15º treinador a faturar o Campeonato Carioca no século XXI.

Alberto Valentim levou o Botafogo ao título estadual | Foto: Vítor Silva / SSPress / Botafogo

De 2001 para cá, apenas Abel Braga e Joel Santana conquistaram o título do Carioca mais de uma vez. Abel é o maior vencedor do século XXI, com três taças (2004, pelo Flamengo, e 2005 e 2012, pelo Fluminense). Joel tem duas conquistas (uma com Flamengo, em 2008, e a outra com Botafogo, em 2010).

Leia também:

Publicidade

Os craques mais valorizados de seleções que não vão disputar a Copa do Mundo
Piqué entra no Top 3 dos defensores com mais gols na Champions League
Quem ganhou a Champions League em ano de Copa do Mundo?
Cristiano Ronaldo estabelece mais um recorde na Champions League
Aplausos da torcida rival: Cristiano Ronaldo se junta a Messi e Neymar
Os gringos brasileiros na Copa do Mundo? Saiba quem são

Na decisão, Alberto Valentim superou Zé Ricardo, que podia justamente se igualar a Joel Santana em conquistas cariocas no século XXI. Zé foi campeão com o Flamengo no ano passado.

A curta carreira de Alberto Valentim

Aos 43 anos, Alberto Valentim começou a carreira como técnico no ano passado, à frente do Red Bull Brasil. A trajetória lá durou apenas o Campeonato Paulista. Ele voltou ao Palmeiras como auxiliar e chegou a assumir o time na reta final do Brasileiro. A diretoria do Verdão decidiu contratar outro técnico. Valentim não quis continuar como auxiliar e deixou o clube.

Publicidade

Em fevereiro, chegou ao Botafogo no lugar de Felipe Conceição. Em menos de dois meses, conquista o primeiro título pelo Fogão e o primeiro da carreira.

Os técnicos campeões carioca no século XXI

2001 – Zagallo (Flamengo)
2002 – Robertinho (Fluminense)
2003 – Antônio Lopes (Vasco)
2004 – Abel Braga (Flamengo)
2005 – Abel Braga (Fluminense)
2006 – Carlos Roberto (Botafogo)
2007 – Ney Franco (Flamengo)
2008 – Joel Santana (Flamengo)
2009 – Cuca (Flamengo)
2010 – Joel Santana (Botafogo)
2011 – Vanderlei Luxemburgo (Flamengo)
2012 – Abel Braga (Fluminense)
2013 – Oswaldo de Oliveira (Botafogo)
2014 – Jayme de Almeida (Flamengo)
2015 – Doriva (Vasco)
2016 – Jorginho (Vasco)
2017 – Zé Ricardo (Flamengo)
2018 – Alberto Valentim (Botafogo)