Publicidade

O presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, tem batido na mesma tecla sempre. Precisa renovar o meio-de-campo que fez história nos últimos anos, composto por Casemiro, Toni Kroos e Luka Modric. Assim ele vem trabalhando no sentido de encontrar peças de reposição e fazer a transição aos poucos. Mas o grande problema hoje está em encontrar um substituto para Modric.

Modric não tem substituto no Real Madrid (Foto: Uefa)

Aurélien Tchouaméni é tratado como uma espécie de novo Casemiro, para ficar com a vaga do brasileiro aos poucos. Eduardo Camavinga já vem sendo trabalhado para virar um novo Kroos tão logo o alemão pendure as chuteiras. Mas e Modric?

Por algum tempo Federico Valverde chegou a ser trabalhado para a vaga do croata. Mas o técnico Carlo Ancelotti, a comissão técnica e os dirigentes entendem que ele não pode ser visto dessa maneira. Florentino quer um jogador bem mais criativo.

Relacionadas

Tchouaméni
Darwin Núñez
Marcelo Real Madrid

Publicidade

O Real Madrid continua a trabalhar na renovação da sua área de médios para as próximas temporadas, tendo em conta que Florentino Pérez quer encontrar as melhores peças para substituir Casemiro, Toni Kroos e Luka Modric a curto prazo, três lendas do clube que ganharam tudo a nível nacional e internacionalmente.

O clube merengue tem como ordem buscar esse jogador ainda nessa janela e trabalha com alguns nomes nos corredores do Bernabéu. Segundo a imprensa espanhola, três nomes hoje são os mais cotados. São eles: Jude Bellingham (Borussia Dortmund), Nicolo Barella (Inter de Milão) e Sandro Tonali (Milan). Mas nenhum deles teria negociações avançadas. Entretanto o assunto pode crescer nos próximos dias.

Comentários