Publicidade

No mesmo dia em de estreia de Messi com o PSG no estádio de Reims, o Camp Nou comemorou a descoberta de um novo ídolo: Memphis Depay. Depois de passar em branco contra o Real Sociedad, o atacante holandês mostrou toda a sua essência contra o Getafe. Mas o fez no melhor estilo, com um gol que evitou um empate fora de casa, além de mostrar uma nova liderança.

Memphis Depay, à direita, vem mostrando personalidade, ocupando posição de líder no novo Barcelona - Foto: Imago Memphis Depay, à direita, vem mostrando personalidade, ocupando posição de líder no novo Barcelona – Foto: Imago

Os 26.543 expectadores presentes ao Camp Nou viviam a expectativa de ter um novo “leão” em campo, para matar os jogos em favor do Barcelona. Mas Depay deu conta do recado, deixando sua marca na partida, marcando um gol. No entanto, destacou-se não apenas por isso, pois teve participações importantes em vários lances, inclusive no caso do primeiro gol.

Leia também

VÍDEO: furioso após expulsão, Balotelli agride companheiro de time no banco

Publicidade

MQJ Memória: Dignos de Messi e Mbappé… Traumas marcaram saída de ídolos de clubes brasileiros

Aos 29 minutos do primeiro tempo, Memphis Depay recebeu passe de De Jong pelo lado esquerdo da grande área, limpou a marcação e finalizou para colocar a equipe culé na frente do placar. Assim, os torcedores do Barcelona explodiram em aplausos estrondosos, gritando seu nome. O time mostrou poder ofensivo, dentro da vocação do clube catalão, agradando à torcida.

Relacionadas

Balotelli perde a cabeça e agride jogador, mas do próprio time - Foto: Reprodução
Cristiano Ronaldo é máquina de fazer dinheiro no Instagram - Foto: Reprodução

Com a vitória, o Barcelona chega aos sete pontos, mantend0-se entre os líderes do campeonato espanhol. O Getafe, por sua vez, acumula a terceira derrota em três jogos e continua sem pontuar no Campeonato Espanhol. O próximo compromisso dos dois times é só daqui duas semanas, após a janela da data Fifa, pela La Liga. O Barcelona visita o Sevilla no Estádio Ramón Sánchez Pizjuán, no sábado (11 de setembro). O Getafe recebe o Elche no dia seguinte, às 13h, no Coliseum Alfonso Pérez.

Comentários