Publicidade

O PSG atualizou, neste sábado, a condição de Neymar. Em boletim médico, o clube francês explicou que a entorse no tornozelo esquerdo resultou em uma “área de contusão óssea” e traçou um prazo para retorno: janeiro de 2021. Neymar, desta maneira, não joga mais em 2020 – o Paris Saint-Germain tem dois compromissos neste fim de ano, contra o Lille, neste domingo, e contra o Strasbourg.

Neymar PSG Neymar no chão após entrada de Thiago Mendes | Foto: C. Gavelle / PSG / Divulgação

Neymar se machucou na derrota do PSG para o Lyon, no último domingo, pelo Campeonato Francês. Ele recebeu uma entrada do volante brasileiro Thiago Mendes e torceu o tornozelo esquerdo. O craque do Paris Saint-Germain deixou o campo chorando, uma imagem que gerou preocupação.

LEIA MAIS! A estratégia do Real Madrid para tirar Mbappé do PSG. Confira!

Publicidade

O temor era sobre a gravidade da lesão. A primeira avaliação foi “tranquilizadora”, nas palavras do PSG. O exame não apontou fratura, que era uma das preocupações.

LEIA MAIS! Barcelona pensa em vender Philippe Coutinho em janeiro, diz jornal catalão

Neymar passou por novos exames na quarta-feira. O técnico Thomas Tuchel chegou a dizer que havia esperança de que pudesse jogar neste domingo, contra o Lille, em jogo que vale a liderança do Campeonato Francês. O PSG é o segundo colocado, com um ponto a menos em relação ao rival.

Neymar pode voltar ao PSG em clássico

Publicidade

O craque brasileiro continua em tratamento. Uma possibilidade de retorno, dentro do prazo estabelecido para janeiro, é voltar em um clássico que vale título. No dia 13 de janeiro, o PSG vai enfrentar o Olympique de Marselha na final da Supercopa dos Campeões da França.