Publicidade

Eleito melhor jogador do mundo, Lewandowski superou Cristiano Ronaldo e Messi no prêmio The Best, dado pela Fifa. O atacante do Bayern de Munique sabe que o craque português e o argentino estão em outro patamar, mas a “conversa” pode ser em um local mais apropriado para o artilheiro polonês.

Lewandowski Lewandowski superou Cristiano Ronaldo e Messi | Foto: Bundesliga / Divulgação

“Messi e Cristiano Ronaldo estão na mesma mesa durante muitos anos e é isso que os tornam insuperáveis. Não acredito que possa estar na mesma mesa deles. Se contarmos o ano de 2020, fui muito bem em termos de rendimento. Posso não estar na mesma mesa de Messi e Cristiano Ronaldo, mas acho que posso convidá-los para a minha”, declarou Lewandowski, em entrevista à “France Football”.

LEIA MAIS! Mudança de rumo: Messi indica que quer ficar no Barcelona

Publicidade

Lewandowski foi apenas o segundo jogador a interromper a dinastia de Cristiano Ronaldo e de Messi no The Best. De 2008 a 2020, apenas o atacante do Bayern de Munique e Modric, do Real Madrid, conseguiram superar CR7 e o astro argentino no prêmio.

Lewandowski fala sobre inspirações

Na semana passada, quando ganhou o prêmio de melhor do mundo, Lewandowski contou que Romário e Ronaldo foram influências para ele. O atacante do Bayern de Munique aumentou a lista de inspirações.

LEIA MAIS! Cristiano Ronaldo ganha troféu inédito na carreira

Publicidade

“Os jogadores que mais admirava eram Del Piero, Thierry Henry e Roberto Baggio. O que me fez sonhar também foram os grandes estádios e o ambiente deles”, acrescentou o melhor do mundo.