Publicidade

Portugal está vivo na briga por vaga para a Copa do Mundo e a Itália ficou pelo caminho mais uma vez. A seleção portuguesa, com toque brasileiro e drama no fim, está a uma vitória do Catar. Otávio, naturalizado português, brilhou na vitória por 3 a 1 sobre a Turquia, no Estádio do Dragão, nesta quinta-feira, pela semifinal da repescagem das Eliminatórias Europeias. A seleção turca desperdiçou pênalti no fim e perdeu a chance do empate. Matheus Nunes, outro brasileiro naturalizado, acalmou a situação para os portugueses.

Agora, Portugal vai enfrentar, na terça-feira, a Macedônia do Norte, que surpreendeu a Itália, em Palermo. Quem ganhar garante lugar no Mundial do Catar.

Otávio Portugal Copa do Mundo Otávio abriu o caminho para Portugal | Foto: Uefa

A Itália está fora da segunda Copa do Mundo consecutiva. Em Palermo, a Macedônia do Norte marcou aos 47 do segundo tempo, com Trajkovski, e derrubou a seleção italiana: 1 a 0.

Portugal vive drama, mas se aproxima da Copa do Mundo

Publicidade

A opção do técnico Fernando Santos pelo brasileiro Otávio se mostrou muito acertada. O meia do Porto abriu o placar e deu assistência para Diogo Jota marcar o segundo. Entretanto, o que se desenhava uma vitória tranquila teve contorno de drama.

Relacionadas

Kaoru Mitoma
Jorge Jesus Benfica x Arsenal Liga Europa

Portugal começou o duelo com a Turquia com sangue nos olhos e impôs uma blitz. A Turquia se segurava como podia, mas não resistiu. Aos 14, Bernardo Silva acertou a trave. No rebote, Otávio mostrou oportunismo e fez 1 a 0.

A Turquia respondeu. Kutlu errou o alvo e cabeceou com perigo, para fora, aos 21, no maior susto sofrido por Portugal na etapa inicial. Os donos da casa novamente contaram com o talento de Otávio para ampliar. Aos 41, ele lançou Diogo Jota com precisão. O atacante do Liverpool cabeceou no canto e fez 2 a 0.

Publicidade

No segundo tempo, Portugal controlava o jogo, mas levou um susto e tanto. Aos 19 minutos, Burak Yilmaz recebeu na área e tocou na saída do goleiro: 2 a 1. A Turquia ganhou moral e buscou mais o ataque. Os portugueses se complicaram. Enes foi chutado por José Fonte na área. O VAR recomendou a revisão. Pênalti. Yilmaz, entretanto, isolou, aos 39 minutos.

A seleção portuguesa escapou do empate e viu outro brasileiro acalmar a situação. Nos acréscimos, Matheus Nunes, também naturalizado, fez 3 a 1. Portugal está a uma vitória da Copa do Mundo. A Turquia ficou pelo caminho.

Bale mantém sonho de País de Gales

Em baixa no Real Madrid, Gareth Bale está a uma vitória de levar País de Gales para a Copa do Mundo. O atacante foi decisivo na vitória sobre a Áustria, em Cardiff, por 2 a 1.

Bale País de Gales Bale decidiu para País de Gales | Foto: Uefa

Publicidade

No primeiro tempo, Bale fez um golaço de falta e colocou Gales na frente. O atacante do Real Madrid ampliou na etapa final. A Áustria diminuiu após gol contra de Davies.

Agora, País de Gales vai esperar o vencedor do duelo entre Escócia e Ucrânia. O jogo foi adiado em função da invasão da Rússia ao território ucraniano.

Suécia avança na prorrogação

A Suécia suou, precisou da prorrogação, mas bateu, em casa, a República Tcheca: 1 a 0. Quaison foi o herói sueco. Ele marcou aos cinco minutos da etapa final do tempo extra.

Publicidade

Agora, a Suécia vai decidir com a Polônia a vaga para a Copa do Mundo. Com a punição à Rússia, em função da guerra com a Ucrânia, a seleção polonesa não precisou jogar a semifinal da repescagem e foi diretamente para a decisão.

Comentários