Publicidade

Corinthians - Campeão do Mundial de Clubes da Fifa 2012 Corinthians é uma das três equipes que venceu o Mundial mais de uma vez – Divulgação/Corinthians

Classificado para a final do Mundial de Clubes da Fifa, o Grêmio pode manter no próximo sábado uma escrita nesta competição: apenas clubes brasileiros tiraram o título dos europeus. Criado em 2000 pela entidade máxima do futebol para substituir a Copa Intercontinental, o Mundial de Clubes da Fifa foi disputado 13 vezes, com nove títulos para a Europa e quatro para o Brasil.

O Corinthians, campeão em 2000 e 2012, faz parte do seleto grupo que conquistou o título da competição mais de uma vez. Real Madrid, com dois, e Barcelona, com três, são as outras equipes que alcançaram tal feito, fazendo da Espanha o país com mais taças: cinco no total.

Publicidade

O duelo entre os vencedores da Liga dos Campeões e da Copa Libertadores é o mais comum na final do Mundial de Clubes. Apenas em três ocasiões esse confronto não aconteceu. Em 2003, quando o Mazembe, do Congo, enfrentou a Inter de Milão; em 2013, com Raja Casablanca, do Marrocos, e Bayern de Munique na disputa pelo título; e em 2016, ano em que o Kashima Antlers foi derrotado pelo Real Madrid.

Confira todas as finais do Mundial de Clubes da Fifa:

2000 – Corinthians 0 (4) x (3) 0 Vasco
2005 – São Paulo 1 x 0 Liverpool
2006 – Internacional 1 x 0 Barcelona
2007 – Milan 4 x 2 Boca Juniors
2008 – Manchester United 1 x 0 Liga de Quito
2009 – Barcelona 2 x 1 Estudiantes de La Plata
2010 – Inter de Milão 3 x 0 Mazembe
2011 – Barcelona 4 x 0 Santos
2012 – Corinthians 1 x 0 Chelsea
2013 – Bayern de Munique 2 x 0 Raja Casablanca
2014 – Real Madrid 2 x 0 San Lorenzo
2015 – Barcelona 3 x 0 River Plate
2016 – Real Madrid 4 x 2 Kashima Antlers

Leia também
Davi Luiz galês estreia e chama atenção no Chelsea
Com o Grêmio, Brasil chega à final pela 17ª vez e pode ampliar vantagem
Veja o retrospecto de Neymar contra o Real Madrid
Neymar vira garoto-propaganda de marca de café
Corinthians e Nike ampliam parceria
Cristiano Ronaldo se torna o maior artilheiro do Mundial de Clubes