Publicidade

Cristiano Ronaldo e Messi estabeleceram uma das principais rivalidades do mundo da bola, impulsionada por disputa de prêmios, lances incríveis e clássicos e mais clássicos entre Real Madrid e Barcelona. Na última semana, um toque de polêmica marcou a relação entre os craques. O MQJ Memória pega embalo para relembrar rusgas, elogios e o histórico da competição entre Cristiano Ronaldo e Messi.

A polêmica da vez gira em torno da Bola de Ouro. Messi faturou a honraria, dada pela revista “France Football”, pela sétima vez na carreira, enquanto Cristiano Ronaldo ficou apenas na sexta colocação. A confusão se deu graças a um post. CR7 aprovou críticas pesadas ao prêmio dado a Messi.

Galeria de Fotos

Um perfil de fã destacou os feitos de Cristiano Ronaldo e criticou o prêmio ter ido para Messi, inclusive, classificando como “roubo”. CR7 escreveu “fatos” na publicação. Rodou o mundo. O astro português, posteriormente, apagou o comentário.

Relacionadas

Sócrates tinha um espírito de liderança acima da média (Arquivo CBF)

Publicidade

O episódio foge do contexto tradicional entre Messi e Cristiano Ronaldo. O padrão sempre foi um relação respeitosa, sóbria. A competição sempre foi mesmo na briga por títulos. Os prêmios deram uma pitada a mais na rivalidade.

Cristiano Ronaldo e Messi fizeram o sexto confronto em Champions League. Com jogo desta terça-feira, estão empatados Cristiano Ronaldo e Messi no último duelo | Foto: JOSEP LAGO/AFP via Getty Images

MQJ Memória vai no embalo de Cristiano Ronaldo e Messi

Messi e Cristiano Ronaldo dominaram os prêmios individuais, em uma sequência de 2008 a 2017, com cinco conquistas de melhor do mundo para cada lado. O argentino em 2019 faturou o sexto prêmio de melhor do mundo pela Fifa e 2019 e este ano a Bola de Ouro. Sendo assim, no quesito premiação, Messi está na frente.

MQJ Memória: Dignos de Messi e Mbappé… Traumas marcaram saída de ídolos de clubes brasileiros

Publicidade

No embalo da conquista da sétima Bola de Ouro, Messi abordou a rivalidade com Cristiano Ronaldo. Para ele, algo que fez bem para os dois craques.

– Sempre quis me superar e não olhar para o que os outros faziam. Com o Cristiano mantive uma competição durante anos no mesmo campeonato. Tem sido maravilhoso e tem nos ajudado a crescer nas nossas carreiras. Mas sem olhar um para o outro. Só queria ultrapassar a mim próprio para ser o melhor e não melhor do que o outro – declarou Messi, à “France Football”.

MQJ Memória: Messi não está só… relembre craques que trocaram de clube de graça

Publicidade

Cristiano Ronaldo, no ano passado, também falou sobre Messi. O astro português deixou de lado uma possível rivalidade entre eles.

– Sempre tive uma relação cordial com ele, compartilhamos 12, 13 anos de cerimônias de premiação, nunca o vi como um rival. Sempre me dei bem com ele, mas sabemos que no futebol, para a imprensa, para o show, busca-se uma rivalidade, mas sempre me dei bem com ele e o vejo como sempre o vi – declarou Cristiano Ronaldo, em 2020, para “TV Movistar +”.

A maior tensão entre Cristiano Ronaldo e Messi

Bem, a relação é cordial a maior parte do tempo, mas também teve tensão, algo natural em um contexto em que dois craques lideravam dois gigantes que buscavam ganhar tudo. Cristiano Ronaldo e Messi engrandeceram o clássico entre Real Madrid e Barcelona.

Publicidade

Em 2012, os dois craques protagonizaram um episódio que deu o que falar. Após a final da Supercopa da Espanha, Messi e Cristiano Ronaldo evitaram de se cumprimentar. Os dois craques ficaram perto, no momento em que saudavam o árbitro, mas não se falaram. Foi um momento tenso, possivelmente o maior entre eles. Naquela ocasião, o Real Madrid de CR7 levou a melhor e foi campeão.

O histórico entre Cristiano Ronaldo e Messi

O mundo da bola já presenciou 36 duelos entre Cristiano Ronaldo e Messi. O primeiro foi na temporada 2007/2008, simplesmente por semifinal de Champions League, entre Manchester United e Barcelona. O United de CR7 avançou, mas recebeu o troco na temporada seguinte. O Barça de Messi venceu o clube inglês na decisão da Champions League.

MQJ Memória: Leônidas da Silva, craque de chocolate, irritou Botafogo e brilhou por Fla e São Paulo

Publicidade

A rivalidade “explodiu” quando Cristiano Ronaldo foi para o Real Madrid. O clássico com Barcelona ganhou proporção ainda maior. O mundo da bola parava para assistir aos duelos entre os dois.

MQJ Memória: Galvão não foi único. Relembre ataques de raiva de jornalistas esportivos

E, além dos confrontos entre Portugal e Argentina, houve espaço para um duelo com CR7 na Juventus. Por sinal, foi último entre eles. Pela Champions da temporada passada, a Juve fez 3 a 0 no Barcelona de Messi.

Publicidade

Cristiano Ronaldo e Messi se enfrentaram 36 vezes. A vantagem é do argentino, com 16 vitórias sobre CR7, que saiu de campo vencedor em 11 ocasiões. Foram ainda nove empates.

O mundo da bola aguarda um próximo confronto.

Comentários