Publicidade

O Benfica pagou na janela de transferências internacionais 24 milhões de euros (mais de R$ 130 milhões) para contar com o atacante uruguaio Darwin Núñez em suas fileiras. Foi a contratação mais cara da história dos Encarnados. Mas na Luz não há dúvidas de que em breve ele vai render aos cofres do clube muito mais do que foi investido. Isso porque, mal deu os primeiros passos no Benfica, Darwin já é disputado por grandes do continente.

Darwin Núñez, Benfica, Jorge Jesus Darwin Núñez é o reforço mais caro da história do Benfica (Foto: Benfica / Divulgação)

Darwin Núñez foi o destaque da primeira rodada da Liga Europa. Fez três gols na vitória de 4 a 2 sobre o Lech na Polônia. Mais do que os gols, o que chama atenção é a capacidade que tem de se movimentar, o que lhe rendeu comparações com Luis Suárez. O capricho nas finalizações é comparada a outro atacante de ponta do Uruguai: Edinson Cavani.

Leia também

Guardiola revolta técnico do Porto. Entenda a polêmica!
PSG vive dilema para segurar Mbappé para a próxima temporada

Publicidade

Jorge Jesus, treinador do Benfica, vibra com o garoto em seu elenco.

– Não há dúvidas de que ele será um jogador de ponta no futebol europeu em um curto espaço de tempo. O que não é bom para mim, que vou ficar pouco tempo com ele no Benfica. Mas o investimento em sua contratação vai se mostrar acertado – analisou Jesus.

Manchester e Real Madrid estariam de olho em Darwin Núñez

Edinson Cavani e Luiz Suárez formam o estilo de Darwin Núñez (Foto: Getty Images)

Nas últimas semanas a imprensa inglesa abordou que o Manchester United fez sondagens por Darwin Núñez. Na Espanha também foi dito por emissoras de rádio de Madri que Zinedine Zidane pediu a seus profissionais de estatística análises dos números do uruguaio na temporada.

Publicidade

Ao Benfica ainda não chegou nenhuma proposta concreta. Mas no Estádio da Luz acredita-se que os primeiros contatos mais sérios de gigantes da Europa comecem já nos primeiros meses de 2021, já de olho na janela de junho. Assim sua saída seria questão de tempo.

Darwin Núñez foi revelado nas categorias de base do Peñarol do Uruguai. Mas ele fez apenas 14 jogos pelo clube, marcando quatro gols. Em 2019 o Almería o buscou em Montevidéu. Na temporada passada do Campeonato Espanhol anotou 16 gols em 30 jogos. Assim chamou a atenção do Benfica. O artilheiro também é presença constante nas convocações da seleção uruguaia nas categorias de base. A expectativa é que aos poucos se fire na seleção principal e chegue como titular na Copa do Mundo do Catar, em 2022, caso o Uruguai se classifique.