Publicidade

Mbappé já seria o centro das atenções. E ele justificou os holofotes. O astro francês foi decisivo e fez o gol da vitória do PSG, nos acréscimos, sobre o Real Madrid: 1 a 0, nesta terça-feira, na França, pelo jogo de ida das oitavas de final da Champions League. O Paris Saint-Germain, agora, pode empatar o jogo de volta, no dia 9, que avança.

Foi nos acréscimos que o posto de herói do jogo mudou de mãos. Courtois, que pegou um pênalti de Messi, viu Mbappé fazer um golaço e sair de campo ovacionado.

Mbappé Champions League Mbappé toca na saída de Courtois: golaço | Foto: ALAIN JOCARD/AFP via Getty Images

Centro das atenções do duelo, pela possibilidade de ir para o Real Madrid na próxima temporada, Mbappé foi o herói do PSG. O astro francês deu trabalho à zaga merengue e criou as principais chances francesas. Sofreu o pênalti perdido por Messi. Se o companheiro não decidiu, ele tratou de resolver, com um golaço nos acréscimos.

Publicidade

Com uma postura conservadora, o clube merengue viu o PSG mandar no jogo. O Real praticamente não ameaçou o rival e foi castigado no fim.

O duelo entre PSG e Real Madrid pela Champions League

O PSG dominou o primeiro tempo, mas não transformou a superioridade em muitas chances de gol. O clube francês teve mais posse de bola desde o início. Entretanto, viu o Real Madrid se defender bem. Por sinal, foi praticamente a única coisa que o clube merengue fez. Para se ter uma ideia, o Real deu apenas uma finalização, aos 45 minutos da etapa inicial.

Relacionadas

Harry Kane
Pogba
Nasser Al-Khelaifi PSG

A rigor, o PSG teve apenas duas chances na etapa inicial. Na primeira, aos quatro minutos, Mbappé fez jogada pela esquerda e cruzou para Di María. O atacante, entretanto, isolou. Depois, aos 17, Mbappé ganhou de Carvajal e finalizou. Courtois mandou para escanteio.

Publicidade

O Real Madrid conseguiu esfriar o jogo. Casemiro levou amarelo. Como estava pendurado, desfalca o time na partida de volta. O clube merengue sofreu para encaixar o contra-ataque. Assim, ameaçou apenas em bola parada. Após escanteio, Casemiro ganhou pelo alto, mas cabeceou para fora.

Mbappé decide para o PSG

Courtois apareceu bem no começo do segundo tempo. Após bela trama, Mbappé girou e chutou com força. O goleiro espalmou e salvou o Real Madrid. O belga foi ainda mais importante. Mbappé arrancou e foi derrubado por Carvajal na área. Pênalti. Courtois defendeu a cobrança de Messi.

Messi PSG Real Madrid Champions League 2 A decepção de Messi e a vibração de Militão: Courtois defendeu a penalidade | Foto: Uefa

Recuperado de lesão no tornozelo esquerdo, Neymar foi lançado aos 27 minutos do segundo tempo, no lugar de Di María. O PSG pressionou. Messi levou perigo em cobrança de falta, para fora. Depois foi a vez de Mbappé errar o alvo por pouco.

Vinicius Júnior PSG Real Madrid Champions League Vinicius Júnior não se criou, até pela postura do Real Madrid | Foto: Uefa

Publicidade

Neymar foi lançado por Messi. Ele tirou de Courtois, mas não colocou o efeito necessário para a bola ir para o gol. Quem conseguiu vencer o goleiro belga foi Mbappé. Aos 48 minutos, ele passou por dois marcadores e tocou na saída de Courtois: golaço. O PSG venceu por 1 a 0.

Manchester City encaminha classificação

Atual vice-campeão, o Manchester City está perto das quartas de final. O time de Pep Guardiola atropelou o Sporting, em Portugal, e fez 5 a 0, sendo quatro logo no primeiro tempo. Assim, o City pode até perder por quatro gols, no dia 9, na Inglaterra, que avança.

Bernardo Silva Sporting Manchester City Champions League Bernardo Silva foi protagonista do Manchester City | Foto: Uefa

O City não deu chances ao Sporting. Mahrez, logo aos sete minutos, abriu o placar. Dez minutos, Bernardo Silva aproveitou rebote e fez um golaço. Foden, aos 32, fez o terceiro. Bernardo Silva apareceu novamente e anotou o quarto, aos 44.

Publicidade

Na etapa final, Sterling completou a goleada do Manchester City, bem perto das quartas de final da Champions League.

Comentários