Publicidade

O Manchester City quer se antecipar aos rivais e largar na frente na corrida por Haaland. Sendo assim, segundo o “Times”, o time de Pep Guardiola pretende abrir negociação com Borussia Dortmund já a partir de janeiro.

A ideia é superar a concorrência por Haaland, que tem tudo para ser pesada. O Manchester City, então, deve entrar com força na briga. Guardiola não recebeu um centroavante após a saída de Agüero. O bote para cima de Harry Kane, do Tottenham, não funcionou. Desta forma, o apetite por Haaland vai aumentar em janeiro.

Haaland Borussia Dortmund Manchester City Manchester City já trabalha com data por Haaland | Foto: Imago Images

LEIA MAIS! Real Madrid elege joia francesa para substituir Casemiro

Publicidade

Segundo a imprensa europeia, existe um acordo verbal entre Borussia Dortmund e Haaland para que a venda do centroavante seja facilitada em 2022. O valor seria de 75 milhões de euros (R$ 478,6 milhões), podendo chegar a 90 milhões de euros (R$ 574,3 milhões). Uma “pechincha” pelo potencial do craque.

Relacionadas

Haaland Borussia Dortmund
Simeone Atlético de Madrid

O Borussia Dortmund já reconheceu que será difícil segurar Haaland, embora vá tentar. A ideia é oferecer um reajuste salarial robusto. Entretanto, o centroavante não deve aceitar a oferta alemã.

MAIS! Novo rico, Newcastle estuda oito nomes para o cargo de técnico

Publicidade

Além do Manchester City, o Barcelona, Real Madrid, Manchester United, Juventus e PSG são clubes interessados em Haaland. O City já quer se movimentar.

Comentários