Publicidade

O ano de 2020 marcou a despedida dos gramados de uma turma de feras da bola. E até um adeus inesperado. Afinal, não é comum uma aposentadoria aos 30 anos. Mas teve campeão mundial que decidiu parar nesta idade.

LEIA MAIS! Covid: Premier League não para. Mas técnicos ficam em lados opostos

E não foi o único campeão mundial que se aposentou em 2020. Casillas e Villa se despediram. E também teve adeus de um campeão com a Seleção Brasileira em 2002: Lúcio.

Dez feras que se aposentaram em 2020

Lúcio

Publicidade

Campeão mundial em 2002, o zagueiro encerrou a carreira, aos 42 anos, no Brasiliense. Lúcio brilhou por Bayer Leverkusen, Bayern de Munique, Inter de Milão, entre outros clubes.

Lúcio foi xerife no Bayern (Foto: Uefa)

Casillas

Anunciou a aposentadoria aos 39 anos, depois de ter sofrido um problema cardíaco. Ídolo do Real Madrid, Casillas defendeu o Porto por quatro temporadas. Ele sofreu um infarto no treino. Havia a expectativa que voltasse a jogar, mas ele anunciou a aposentadoria este ano.

Casillas pendurou as luvas | Foto: Porto

Villa

Assim como Casillas, campeão mundial com a Espanha em 2010. Villa, de 39, encerrou a carreira no Japão, no Vissel Kobe. Ele brilhou pelo Barcelona.

Villa fez gols importantes na Espanha (Foto: Getty)

Schurrle

Publicidade

Uma aposentadoria “precoce”. Campeão mundial em 2014 com a Alemanha, Schurrle parou aos 30 anos, no Spartak Moscou, da Rússia.

Schurrle também defendeu o Chelsea | Foto: Chelsea / Divulgação

De Rossi

Ídolo da Roma, defendeu o clube por 18 temporadas, o volante italiano se despediu dos gramados, aos 37 anos, com a camisa do Boca Juniors.

De Rossi é ídolo do clube italiano | Foto: Twitter Roma

Mascherano

O volante argentino pendurou as chuteiras aos 36 anos, no Estudiantes. Mascherano também defendeu Corinthians, Liverpool e Barcelona.

Mascherano tem despedida marcada para esta quarta-feira no Barcelona (Divulgação Barcelona) Mascherano brilhou pelo Barcelona (Divulgação Barcelona)

Kompany

Publicidade

Ídolo do Manchester City, pelo qual atuou por 11 temporadas, o zagueiro belga se aposentou, aos 34 anos, no Anderlecht, e virou técnico do clube.

Kompany é ídolo do City | Foto: Divulgação

Mario Gómez

O atacante alemão se aposentou no Stuttgart, aos 35 anos. Mario Gómez teve uma carreira consistente e se destacou pelo Bayern de Munique.

Mário Gomez mostrou faro de gols | Foto: Bayern de Munique / Divulgação

Aduriz

O atacante teve três passagens pelo Athletic de Bilbao, pelo qual se aposentou aos 39 anos. Aduriz sabia o caminho para as redes.

Aduriz brilhou pelo Athletic (Foto: La Liga)

Essam El-Hadary

Publicidade

Exemplo de longevidade na carreira. O goleiro egípcio pendurou as luvas aos 47 anos. El-Hadary foi o jogador mais velho a disputar uma Copa do Mundo: aos 45 anos, pelo Egito.

El-Hadary El-Hadary com a seleção do Egito | TAREK ABDEL HAMID/AFP via Getty Images