Publicidade

O Real Madrid lidera a La Liga e largou com vitória, fora de casa, sobre a Inter de Milão na Champions League. Entretanto, nem tudo são flores. O técnico Carlo Ancelotti tem situação a contornar no clube merengue e um pequeno foco de incêndio para apagar.

O primeiro “problema” é Asensio. O atacante espanhol, de 25 anos, perdeu espaço no Real Madrid e não está satisfeito com a situação. Até aqui, ele disputou apenas 69 minutos nesta temporada – todos entrando no decorrer dos jogos.

Ancelotti Real Madrid Ancelotti está invicto no retorno ao Real Madrid | Foto: Imago Images

O “As”, da Espanha, destaca que Asensio é um nome importante na estratégia do Real Madrid, até pela idade e pelo futebol que já demonstrou. Entretanto, ele ainda não caiu nas graças do técnico italiano. Hazard, Bale, Vinicius Júnior e Rodrygo têm sido as preferências do comandante.

Relacionadas

Cristiano Ronaldo Manchester United
Koeman Barcelona
Kessié Milan

Publicidade

Além de Asensio, Ancelotti lida com outras duas situações no elenco do Real Madrid. O brasileiro Marcelo, ídolo do clube, continua sem espaço, algo que já vinha acontecendo com Zidane. O lateral-esquerdo tem contrato até 2022.

Dortmund já admite publicamente: será difícil manter Haaland

Isco vive a mesma situação. É outro nome de peso do elenco. Havia expectativa de que o meia fosse mais aproveitado. Entretanto, Valverde e Camavinga, recém-contratado, vêm recebendo mais chances. O meia espanhol, a exemplo de Marcelo, também está em fim de contrato.

Publicidade

Ídolo inglês vê Harry Kane abatido no Tottenham: ‘Quer sair’

Uma das virtudes de Ancelotti é a capacidade de controlar o ambiente do vestiário. Neste retorno ao Real, vai lidar com situações a contornar.

Comentários