Publicidade

O Real Madrid prepara uma nova versão galáctica: Mbappé e Haaland estão nos planos do clube merengue para 2022. E o Real tem bala na agulha para ter a dupla de craques. Presidente da La Liga, Javier Tebas deu a “bênção”. A entidade fiscaliza com rigor os aspectos econômicos dos clubes espanhóis.

Na Espanha, os clubes são enquadrados no “fair play financeiro”. O Barcelona, por exemplo, precisou abrir mão de Messi para se adequar ao limite salarial imposto pela La Liga.

Mbappé PSG Real Madrid Mbappé pode chegar ao Real Madrid em 2022 | Foto: Imago Images

Ao abordar a situação do Real Madrid, Tebas destacou que o clube conseguiu suportar os impactos causados pela pandemia e engordou os cofres no mercado da bola. Sendo assim, é possível reunir Mbappé e Haaland no time.

Relacionadas

Mbappé PSG
Koeman Barcelona

Publicidade

– Arrecadou 200 milhões de euros (R$ 1,2 bilhão) com vendas de jogadores. Tem dinheiro em caixa para contratar Mbappé e Haaland juntos. Não perdeu dinheiro – declarou Javier Tebas.

Zebras prováveis? Veja quem pode surpreender na Champions League

Por falar em Mbappé, o dirigente criticou o atual clube do astro francês. Tebas usou o PSG como exemplo negativo para questionar falta de controle em outros países. O dirigente apontou as perdas financeiras do Paris Saint-Germain na pandemia, que contrastam com os investimentos em reforços e a massa salarial. O PSG tem uma fortuna por trás, que, sem “fair play financeiro”, faz diferença.

Publicidade

Ibrahimovic sendo Ibrahimovic: ‘Sou melhor que Messi e Ronaldo’

– O que não dá para entender que alguém que perdeu 400 milhões de euros (R$ 2,4 bilhões), tem massa salarial de 500 milhões de euros (R$ 3 bilhões) e possa rechaçar ofertas como a do Mbappé. As normas de controle estão falhando na França – declarou.

Comentários