Publicidade

A Polícia da Escócia interrompeu uma festa na última madrugada protagonizada por dois jogadores do Rangers, um dos principais clubes do país. O zagueiro inglês George Edmundson e o atacante Jordan Jones, que nasceu na Irlanda do Norte, organizaram uma balada em meio ao isolamento social causado pela pandemia do Coronavírus.

Jordan Jonas participou da festa. Além disso Rangers puniu o jogador (Foto: Rangers)

Por volta das 1h30(hora local) desta segunda-feira a Polícia foi chamada por vizinhos. Uma aglomeração em uma residência incomodava a todos. Os policiais registraram a aglomeração. Os agentes multaram os atletas. Além disso foram para a delegacia, onde tiveram que prestar esclarecimentos.

Leia também:

Publicidade

Misto de Suárez e Cavani! Quem é Darwin Núñez
PSG vive dilema para segurar Mbappé para a próxima temporada

A diretoria do Rangers tomou ciência do fatoo. Por determinação do médico do clube, Mark Waller, agora eles terão que ficar isolados por 14 dias devido aos riscos de terem sido contaminados pelo Coronavírus. Assim Os dois vão perder o importante duelo de quinta-feira com o Benfica, no Estádio da Luz, em Portugal, pela Liga Europa. O Rangerns quer a vitória neste duelo.

Por meio de seu assessor de imprensa o Rangers confirmou a situação: “O Rangers está a par de um incidente ontem à noite, a envolver dois dos nossos jogadores, Jordan Jones e George Edmundson. Ambos violaram as regras de prevenção à covid-19. Eles comparecerem a uma aglomeração em um ambiente privado com pessoas de fora do seu círculo familar. Podemos confirmar que ambos estão suspensos e serão sujeitos a uma investigação interna. E seguindo as instruções do dr. Mark Waller, os jogadores vão cumprir uma quarentena de 14 dias.”

Rangers está revoltado com festa dos jogadores

Rangers puniu George Edmundson. Além disso vai multar o jogador (Foto: Rangers)

Publicidade

Stewart Robertson, diretor do clube, ficou uma fera com os dois jogadores. Além disso ele avisou que os atletas vão sofrer punições.

– Analisaremos esta situação. Nós tomamos as medidas necessárias. Além disso não vamos tolerar estes comportamentos nem aceitamos que os nossos jogadores possam envolver-se em algo que coloque em risco o nosso excelente protocolo – disse ele ao jornal “The Sun”.

O Rangers divide a liderança do seu grupo na Liga Europa com o Benfica. Além disso o clube lidera o Campeonato Escocês com 35 pontos, nove a mais que o segundo colocado Celtic, seu grande arquirrival.