Publicidade

Dirigentes de Real Madrid e Barcelona se reuniram em abril com o agente do atacante norueguês Erling Haaland. O empresário Mino Raiola se encontrou com Florentino Pérez, presidente dos merengues, e Joan Laporta, presidente do Barça. Nesta sexta-feira o CEO do Borussia Dortmund, CEO Hans-Joachim Watzke, comentou a situação. Dono dos direitos federativos do atleta, o clube alemão não pretende perder facilmente seu artilheiro.

– Real Madrid ou Barcelona? Acredito que são dois clubes que conhecem bem a realidade contratual do Haaland. Sinceramente espero que o jogador continue no nosso clube na próxima temporada – disse o dirigente.

Stones x Haaland Champions League Barcelona e Real Madrid querem Haaland. Mas Dortmund não pretende liberar (Foto: Uefa)

O dirigente fez uma comparação com as especulações envolvendo Jadon Sancho, que foi envolvido em conversas com gigantes da Europa. Entretanto o jogador permaneceu com o Borussa Dortmund, que defende até hoje.

Publicidade

– Estou completamente relaxado, poois conheço a realidade contratual dos nossos jogadores. Ou você é um clube que contrata para ter o jogador ou para deixá-lo ir embora. Na temporada passada convivemos até o último dia da janela com notícias sobre a saída do Sancho. Mas ele está conosco até hoje – disse ele.

MAIS! Agüero quer deixar a lista dos sem Champions League

Recentemente o Borussia Dortmund informou que não vai liberar Haaland por um valor inferior a cerca de R$ 1,2 bilhão. Mas os valores são muito altos levando em consideração a realidade do mercado e o momento de pandemia.

Relacionadas

Alexander Isak Real Sociedad
Cristiano Ronaldo Juventus

Publicidade

Haaland tem sido um dos jogadores mais atuantes do futebol europeu, batendo recordes de gols. Seu último feito foi marcar dois na goleada de 4 a 1 sobre o Leipozig, que rendeu ao Borussia Dortmund o título da Copa da ALemanha.

Comentários