Publicidade

O técnico Pep Guardiola está ainda muito abatido com a eliminação do Manchester City para o Real Madrid na Champions League. A classificação, certa até os 45 minutos do segundo tempo por conta de um triunfo por 1 a 0, escapou com uma virada por 3 a 1 no Estádio Santiago Bernabéu. Nesta sexta-feira, em entrevista coletiva, ele questionou até mesmo a própria qualidade. Uma clara demonstração de abalo emocional.

Guardiola Ancelotti Champions League Guardiola e Ancelotti travaram duelo na Champions League | Foto: Catherine Ivill/Getty Images

Na conversa com os jornalistas, Guardiola chegou a questionar se era “bom o suficiente” para conquistar a Champions League pelo Manchester City.

– Talvez eu não seja bom o suficiente para ajudar a equipe a fazer isso. “Ninguém sabe o que teria acontecido com outros jogadores ou treinadores. Estávamos perto da vaga, eles sabem, nós sabemos, mas o importante é que podemos tentar novamente na próxima temporada, e depois novamente – disse ele.

Relacionadas

Antonio Conte Tottenham
Cristiano Ronaldo Manchester United
Frenkie de Jong

Publicidade

Ele confirmou o abatimento.

– Não existem palavras que nos ajudem neste momento. Só precisamos de tempo, dormir o melhor que pudermos e pensar no nosso próximo objetivo – explicou ele.

Guardiola minimiza pressão, mas se cobra

Guardiola minimizou o fato de os donos do Manchester City, um grupo de empresários árabes, terem a Champions League como grande objetivo. Além disos lembrou de feitos recentes.

Publicidade

– Talvez eu esteja errado, mas tenho a sensação de que o povo de Abu Dhabi comprou este clube e investiu nessas instalações e jogadores incríveis para ter o que vivemos nos últimos anos, não só para ganhar a Liga dos Campeões. Eles fizeram isso para estar em todas as competições a cada temporada e competir em todas as competições até o final. Queremos fazer isso – disse ele.

Desde 2016 no Manchester City, Guardiola ainda não conseguiu conquistar a Champios no clube. O máximo que conseguiu foi o vice na temporada passada. Mas perdeu para o Chelsea a grande decisão. Assim segue devendo.

Neste domingo o time recebe o Newcastle pela Premier League. O time de Pep Guardiola lidera a competição com dois pontos de vantagem para o segundo colocado Liverpool e depende das próprias forças para ser campeão. Mas é preciso melhorar o clima.

Comentários