Publicidade

De um lado um Atlético de Madrid que fala até mesmo na demissão do técnico Diego Simeone. Do outro um Manchester United que dá sinais de arrependimento pela contratação de Cristiano Ronaldo. Esse é o cenário do confronto entre os dois times que acontece nesta quarta-feira, às 17h(de Brasília), no Estádio Wanda Metropolitano, em Madri, pela rodada de ida das oitavas de final da Champions League.

Cristiano Ronaldo Manchester United x Villarreal Cristiano Ronaldo quer resolver para o Manchester United | Foto: Uefa

Após penar para liderar o seu grupo na fase anterior, o Manchester United vive um clima de intrigas e insatisfações no elenco. Inclusive há informações de que o plantel está dividido. Além disso Cristiano Ronaldo está em rota de colisão com a comissão técnica.

Relacionadas

Cristiano Ronaldo Atlético de Madrid Champions League 2014
Firmino Champions League
Cristiano Ronaldo Manchester United

Para agravar o caso, os comandados de Ralf Rangnick têm baixas. Para o duelo desta quarta, o time não conta com Cavani. Rangnick disse que o jogador não irá viajar com a delegação e que ele não treina há algumas semanas por problemas na virilha. Por outro lado, Nemanja Matic voltou de uma lesão e deve estar à disposição.

Simeone prefere não olhar o futuro

Simeone Simeone comanda o Atlético | Foto: David Ramos/Getty Images

Publicidade

Pelo lado do Atlético de Madrid os questionamentos são em relação ao trabalho de Simeone, que desconversa.

– Temos que pensar em um dia de cada vez – disse ele.
Segundo informações da mídia espanhola, o treinador deve deixar Griezmann e Suárez no banco do Atlético e optar por João Félix e Ángel Correa titulares. Matheus Cunha, Daniel Wass e o suspenso Yannick Carrasco estão fora, enquanto o capitão Koke surgiu como dúvida. José Maria Gimenez está de volta, mas Felipe pode ser o preferido na defesa.

As duas equipes farão o duelo de volta deste encontro no dia 15 de março, no Estádio Old Trafford, em Manchester, na Inglaterra. Vale lembrar que nesta fase da Champions League, ao contrário das edições anteriores, não se leva mais o gol marcado como visitante para efeitos de critério de desempate.

Comentários