Publicidade

A saída de Cristiano Ronaldo a poucos dias do fechamento da janela de transferências continua dando pano para manga como diriam os antigos. Isso porque a Velha Senhora não conseguiu repor a perda e entra fragilizada na temporada. Apesar disso o diretor de futebol Federico Cherubini parece aliviado com o desfecho. O dirigente da Juventus mostrou incômodo com a postura do jogador.

Apesar de tentar não perder o respeito por Cristiano Ronaldo, o dirigente praticamente acusou Cristiano Ronaldo de não dar tempo para o clube se defender na janela de transferências. A ida dele para o Manchester United surpreendeu.

Cristiano Ronaldo Juventus Cristiano Ronaldo surpreendeu Juventus (Foto: Imago Images)

Mesmo chateado, ele mandou um recado ao jogador.

Publicidade

– O clube é mais importante do que tudo e sempre estará acima dos jogadores. Por isso foi justo deixar o Cristiano Ronaldo ir embora – disse ele ao site italiano “Tuttosport”.

MAIS! O valor de mercado dos 32 times da Champions League

O dirigente disse que a Juventus não poderia contratar um nome de peso em pouco tempo.

Publicidade

– A três dias do fim do mercado, o risco era que um craque não estivesse disponível. Acusam-nos de não estarmos preparados para substituir o Cristiano, mas há momentos que não podemos controlar. Nem todos os jogadores esperam até 31 de agosto para saber se o Ronaldo sai ou fica – ironizou ele.

Relacionadas

Mbappé PSG

Cristiano Ronaldo deixou a Juventus após três temporadas, nas quais marcou um total de 101 gols em 134 jogos e conquistou dois campeonatos italianos, uma Copa da Itália e duas Supertaças. Mas nunca conquistou a torcida, que queria uma Champions League.

Comentários