Derrota para o Atlético de Madrid teve o pior Messi do Barcelona

publicado em 22/11/2020 às 9:32

A derrota para o Atlético de Madrid, por 1 a 0, neste sábado (21), teve um ingrediente que chamou atenção até mais do que o próprio placar. Lionel Messi foi apenas mais um em campo, portanto, longe daquele jogador imponente, que desequilibra. A imprensa espanhola realçou esse detalhe, destacando alguns números do argentino. Uma exibição muito distante daquelas que  habituou a torcida.

Embora em campo, foi como se Messi fosse um fantasma contra o Atlético de Madrid

Embora em campo, foi como se Messi fosse um fantasma contra o Atlético de Madrid – Foto: Gonzalo Arroyo Moreno/Getty Images)

De acordo com o diário AS, Messi perdeu 23 bolas na partida. Deu apenas 36 passes em toda a partida, sendo assim, algo muito raro num jogador de seu nível. Mas não ficou por aí. A sua imagem no final do jogo, saindo de forma burocrática e aceitando mais uma derrota, reflete um Barcelona diferente. Longe daquele clube vencedor.

Messi passou a imagem de um jogador que, ao ser decisivo dia após dia durante uma década, tornou-se inconsequente, literalmente, longe do Camp Nou. Ele não marcou um gol decisivo fora de casa em todo o ano de 2020. No entanto, isso não condiz com sua fama. Não está de acordo com seu status de Bola de Ouro.

Ao que parece, o problema do Messi com o Barcelona está indo para o campo. Não se trata mais de desentendimentos com Bartomeu, que já saiu, ou com Griezmann. Messi dá sinais claros de que não está feliz no Barcelona e o adeus parece inevitável.

Leia também

Retorno de Cristiano Ronaldo ao Real Madrid ganha as manchetes na Europa

Jorge Jesus investe em mais um brasileiro para o Benfica

Deixe seu comentário:

Comentário