Publicidade

O ano da Seleção Brasileira começa nesta quinta-feira. O duelo com Equador, às 18h (horário de Brasília), em Quito, é o primeiro jogo do Brasil em 2022. Já classificado para a Copa do Mundo, a Seleção cumpre tabela nas Eliminatórias com objetivo de fazer testes e preparar o terreno para o Mundial do Catar.

Assim, é mais uma chance para uma turma que está na briga para se consolidar no time e ir à Copa do Mundo, como o trio de ataque. Tite confirmou que Vinicius Júnior, Raphinha e Matheus Cunha serão titulares contra o Equador.

Vinicius Júnior Brasil Vinicius Júnior vai ter mais uma chance | Foto: Daniel Jayo/Getty Images

Philippe Coutinho deve ser o responsável por abastecer o tripé de frente. O meia, recém-contratado pelo Aston Villa, busca retomar o espaço na Seleção Brasileira e ir para mais uma Copa do Mundo.

Relacionadas

Raphinha foi o grande destaque da noite, na goleada sobre o Uruguai - Foto: Buda Mendes/Getty Images
Lisandro Martínez observa de pertoVinicius Junior, um dos melhores do Brasil, mas que desperdiçou chance com preciosismo - Foto: Daniel Jayo/Getty Images

Publicidade

O duelo com Equador também é importante para Emerson Royal. A lateral direita é outra posição que tem vaga em aberto na Seleção Brasileira. A provável escalação do Brasil é a seguinte: Alisson, Emerson Royal, Éder Militão, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Fred e Philippe Coutinho; Raphinha, Vinicius Júnior e Matheus Cunha.

Equador tem arma da altitude contra o Brasil

Um ponto que sempre preocupa contra o Equador em Quito é a altitude. Tite traça estratégia para lidar com a questão e não sofrer tanto em campo.

MAIS! Vlahovic abre caminho para Morata ir para o Barcelona

Publicidade

– Eu falo da parte técnica e tática. A gente tem de encontrar estratégias de ter posse de bola, estabelecer um ritmo adequado, sabendo das finalizações de média (distância), do lance de bola parada, da velocidade que tem, de estar preparado em termos técnicos e táticos nesse conjunto da obra. Em termos científicos, temos respaldo, mas a opção é mais técnico e tática do que científica – analisou Tite.

LEIA MAIS! Os planos do Real Madrid para Reinier

O Brasil lidera as Eliminatórias, com 35 pontos e continua invicto, com uma campanha de 11 vitórias e dois empates.

Equador bem na fita nas Eliminatórias

Publicidade

A seleção equatoriana encara o Brasil embalada por duas vitórias seguidas nas Eliminatórias – sobre Chile e Venezuela -, além de ter uma boa margem sobre rivais diretos na briga por classificação para a Copa do Mundo.

MAIS! Real Madrid já faz contas e lidera corrida por joia do Palmeiras

Terceiro colocado das Eliminatórias, com 23 pontos, o Equador tem seis pontos de frente em relação à Colômbia e ao Peru. Entretanto, a tabela da seleção equatoriana não é das mais simples. Depois do Brasil, visita o Peru e fecha as Eliminatórias contra Paraguai (fora) e Argentina (em casa).

Comentários