Publicidade

A caminho do Manchester City, Erling Haaland se despediu do Borussia Dortmund de “mão aberta”. Segundo o “Bild”, da Alemanha, o craque foi generoso com os companheiros no adeus.

Haaland deu para cada jogador do elenco do Dortmund um relógio avaliado em 15 mil euros (R$ 78,1 mil). A comissão técnica também foi agraciada, com um modelo de 7 mil euros (R$ 36,4 milhões).

Haaland Haaland dá adeus ao Dortmund | Foto: Matthias Hangst/Getty Images

A trajetória de Haaland na Alemanha chega ao fim. O craque “explodiu” com a camisa do Borussia Dortmund e se tornou um dos principais centroavantes do mundo. Agora, tem um novo desafio pela frente.

Relacionadas

Mbappé

Publicidade

O Manchester City anunciou acordo com Borussia Dortmund para contratar o craque. Segundo a imprensa europeia, o time de Pep Guardiola vai pagar 60 milhões de euros (R$ 312,4 milhões) de multa rescisória. Uma “pechincha”!

Otimista, Barcelona arma o bote para contratar Lewandowski

Ao ser contratado pelo Dortmund, em 2020, Haaland estipulou esta cláusula a partir de 2022, para uma possível saída facilitada. Ele movimentou o mercado da bola nos últimos meses. O City levou a melhor e vai contar com o artilheiro.

Comentários