Publicidade

Neymar e Álvaro González, zagueiro do Olympique de Marselha, voltaram a se estranhar e trocaram provocações e críticas nas redes sociais, após a Supercopa da França, na quarta-feira. González se transformou em desafeto do craque brasileiro, especialmente quando Neymar acusou o rival de racismo. O defensor espanhol não é o primeiro a se estranhar com craque brasileiro. Ao longo da carreira, Neymar convive com críticas e desafetos.

Neymar e Álvaro González em lance de PSG x Olympique de Marselha - Foto: DENIS CHARLET/AFP via Getty Images Neymar e Álvaro González em lance de PSG x Olympique de Marselha – Foto: DENIS CHARLET/AFP via Getty Images

Na época de Santos, uma confusão com Chicão, zagueiro do Corinthians, e também a discussão com Dorival Júnior chamaram atenção, além, claro, da frase de René Simões.

MAIS! Neymar e Álvaro González protagonizam a discussão mais infantil do futebol

Publicidade

Pelo Barcelona, ele se desentendeu com Juanfran, que desde 2019 defende o São Paulo. Tem também episódio polêmico com a camisa da Seleção Brasileira e desafeto declarado, como ex-jogador inglês.

Discussões, críticas e polêmicas de Neymar

Chapéu em Chicão com jogo parado

Em fevereiro de 2010, em um clássico contra o Corinthians, na Vila Belmiro, ele se desentendeu com zagueiro Chicão. Com o jogo parado, ele deu um chapéu no rival, que não gostou nada da atitude e deu um empurrão no atacante.

Chicão x Neymar Chicão empurra Neymar | Foto: Reprodução YouTube

Neymar x Dorival Júnior

Também em 2010, ele protagonizou uma discussão com Dorival Júnior, à época técnico do Santos. O atacante queria bater um pênalti no jogo contra o Atlético-GO, mas o treinador ordenou outro cobrador. O craque se irritou e discutiu com técnico. A confusão continuou no vestiário.

Episódio com Dorival marcou início de carreira de Neymar | Foto: Paulo Pinto / saopaulofc.net / Divulgação

‘Estamos criando um monstro’

Publicidade

Técnico do Atlético-GO em 2010, René Simões acompanhou a discussão de Neymar com Dorival Júnior. Ele condenou a atitude do atacante e ainda reclamou que o atacante cavava faltas: “Em nome dessa arte de jogar futebol, da qual eu sou partidário, estamos criando um monstro. Temos que fazer um dossiê pelo número de vezes que ele se joga. A televisão tem que mostrar”, declarou René.

René Simões René Simões criticou Neymar | Foto: Vitor Silva / SS Press / Divulgação

Neymar x Juanfran

Na época de Barcelona, o atacante enfrentou o lateral diversas vezes no duelo com Atlético de Madrid. Em 2015, após bate-boca, o espanhol provocou e fez o número sete com as mãos, em alusão ao 7 a 1 da Alemanha na Copa do Mundo de 2014.

Juanfran x Neymar Juanfran provoca com alusão ao 7 a 1 | Foto: Reprodução YouTube

Neymar x Carlos Bacca

O craque do Brasil se envolveu em confusão na Copa América de 2015, após derrota para a Colômbia. Na ocasião, ele chutou a bola em cima de Armero. Murillo foi tirar satisfação e encostou a cabeça no brasileiro, que deu uma leve cabeçada no zagueiro. Carlos Bacca chegou e empurrou o astro da Seleção.

Neymar x Bacca Bacca empurra Neymar e aumenta confusão | Foto: LUIS ACOSTA/AFP via Getty Images

Joey Barton

Publicidade

Bad boy do futebol inglês, o ex-jogador não economizava nas críticas nas redes sociais. Desafeto declarado do craque brasileiro, Barton declarou que “Neymar é o Justin Bieber do futebol. Brilhante só no velho YouTube.”

Famoso por se envolver em confusões, Barton já chegou a passar 6 meses na cadeia. Rock na veia! Barton não perdia chance de criticar Neymar

Eric Cantona

O ex-atacante francês foi crítico de do craque brasileiro na Copa do Mundo de 2018. Após o astro da Seleção tentar cavar um pênalti contra a Costa Rica, Cantona detonou: “Sem mais trapaças. Sem mais lágrimas de crocodilo. Sem mais narcisismo. Deixem-nos amar o Brasil como costumávamos.”

Ex-Manchester United, Cantona é crítico de Neymar | Foto: Divulgação