Publicidade

O plano de Cristiano Ronaldo de deixar o Manchester United na atual janela de transferências da Europa atingiu um novo patamar, sobretudo depois que o Barcelona rejeitou a oportunidade de contratá-lo. Ele foi oferecido aos gigantes catalães no início deste mês, apesar de ter uma história no rival rival Real Madrid. Cristiano Ronaldo está determinado a deixar Old Trafford e não se apresentou à turnê de pré-temporada do clube pela Ásia.

Você pode se interessar também por:

PSG bate o martelo sobre meia holandês e abre caminho para a Roma

Cadê Cristiano Ronaldo? Técnico do Manchester United tenta fugir de polêmica e ‘esquece’ o astro

Cristiano Ronaldo Florentino Pérez Cristiano Ronaldo nos bons tempos de Real Madrid, com o presidente Florentino Pérez. Agora foi oferecido ao rival Barcelona, mas ouviu ‘não’ | Foto: FABRICE COFFRINI/AFP via Getty Images
Galeria de Fotos

Publicidade

Ele alegou “razões familiares”, mas sua estratégia de saída tornou-se cada vez mais desesperada. O agente de Cristiano Ronaldo, o empresário Jorge Mendes, ofereceu o jogador a vários clubes europeus. Entretanto, não conseguiu encontrar um destino para o atacante.

Assim, Cristiano Ronaldo continua no limbo, por mais incrível que isso possa parecer. O craque ficou “chateado” ao ver seu salário cair no Manchester United. O clube anunciou corte de 25% em seu salário semanal, bem como nos demais companheiros. Aos 37 anos, o português tem o maior ganho no clube. Acabou sendo o maior impactado com a medida.

Fiasco

Isso se deve ao fracasso do clube em se classificar para a Champions League, pois CR7 está desesperado para continuar participando. Ele é o maior artilheiro de todos os tempos da competição, com 450 gols em 438 jogos. De acordo com a estação de rádio espanhola Cope, Jorge Mendes foi ao extremo ao oferecer Cristiano Ronaldo ao Barcelona, mas recebeu uma resposta negativa. Para a crônica esportiva espanhola, seria sinal de desespero do craque e seu staff.

Relacionadas

Antony
Arthur Juventus
Íñigo Martínez

Publicidade

Isso ocorre em meio a negociações em andamento entre Manchester United e Barcelona por Frenkie de Jong. Os dois clubes concordaram com uma taxa de transferência inicial de £ 56,2 milhões com um pacote total na região de £ 72 milhões. Esse total chega a cerca de R$ 473 milhões. O Barcelona deve realizar uma reunião com De Jong, informando-o de que ele deve deixar o clube na janela deste meio de ano.

Cristiano Ronaldo, por sua vez, virou mero expectador.

Comentários