Publicidade

Cristiano Ronaldo se tornou o maior artilheiro em seleções. Ao marcar dois gols contra a Irlanda, nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, superou o iraniano Ali Daei, que estava na ponta com 110 gols. CR7 tem 11 tentos com a camisa da seleção lusa.

No Top 10 desses artilheiros não existe nenhum jogador em atividade, fora Cristiano Ronaldo é lógico. O único brasileiro é Pelé, com 77 gols, na sétima posição. Mas Neymar, com 68 gols, pode tentar entrar no seleto grupo.

MAIS! David Luiz, Ribéry… os craques ainda livres na janela

Publicidade

A lista tem grandes craques como o húngaro Puskas.

Top 10 dos maiores artilheiros em seleções:

10 – Majed Abdullah

Majed Abdullah abre o top 10 (Foto: Fifa)

Com 71 gols em 116 jogos, o artilheiro Majed Abdullah, da seleção da Arábia Saudita, abre a lista de artilheiros. Ganhou duas Copas da Ásia e disputou a Copa do Mundo de 1994.

9 – Bashar Abdullah

Bashar Abdullah era artilheiro nato (Foto: Fifa)

Publicidade

Com a camisa da seleção do Kuwait, Bashar Abdullah fez 75 gols em 133 jogos. Assim figura na lista com justiça.

8 – Sándor Kocsis

Sándor Kocsis tinha muito talento (Foto: Fifa)

Fiel escudeiro de Puskas, Sándor Kocsis tem 75 gols em 68 jogos pela Hungria. Média de mais de um gol por partida.

7 – Pelé

Pelé tem 77 gols pela Seleção Brasileira (Foto: Fifa)

O Atleta do Século teve 77 gols em 92 jogos com a camisa da Seleção Brasileira. O ranking segue critérios da Fifa, pois a CBF contabiliza 95 gols.

Publicidade

MAIS! Relembre os camisas 10 que marcaram o Barcelona

6 – Hussein Saeed

Hussein Saeed batia como poucos na bola (Foto: Uefa)

O futebol do Iraque reverencia até hoje o artilheiro Hussein Saeed. Ele 78 gols em 137 partidas. Depois que se aposentou virou presidente da Federação Iraquiana de Futebol.

Relacionadas

Haaland Borussia Dortmund
Mbappé PSG

5 – Chitalu

Chitalu era oportunista (Foto: CAF)

O quinto colocado é o oportunista Chitalu. Ele tem 79 gols em 108 partidas pela seleção da Zâmbia.

4 – Kunishige Kamamoto

Kunishige Kamamoto era habilidoso (Foto: Fifa)

Publicidade

A facilidade com que penetrava nas defesas marcou o japonês Kunishige Kamamoto. Outra média maravilhosa com 80 gols em 84 partidas. Assim figura na lista com sobras.

3 – Puskas

Puskas foi um dos maiores craques de todos os tempos (Foto: Fifa)

A média de Puskas é maravilhosa. Com 89 jogos pela Hungria, anotou 84 gols. Foi vice-campeão mundial em 1954.

2 – Ali Daei

Ali Daei está no topo. Mas por enquanto… (Foto: Fifa)

 

Publicidade

Até quarta o treinador de futebol, Ali Daei era o maior goleador de uma seleção. Tem 109 gols nas 149 partidas que disputou pela seleção iraniana. O feito se torna ainda mais importante pois ele não defendia uma equipe de ponta. Esteve nas Copas do Mundo de 1998 e 2006.

1 – Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo está cada vez mais perto do topo (Foto: Uefa)

Com os dois gols anotados contra a Irlanda, CR7 chegou a 111 gols por Portugal. Assim assumiu a liderança. São 178 partidas com a camisa lusa.

Comentários