Publicidade

Direto da Espanha, a imprensa esportiva madrilenha cada vez dá mais destaque ao interesse do Real Madrid por Matheus Nascimento, jovem revelação do Botafogo. As coisas não andam boas para o Alvinegro carioca, eliminado nesta quinta-feira (14) nas oitavas de final da Copa do Brasil pelo América-MG. Agora, o que falta é perder sua grande joia.

Matheus Nascimento Botafogo Matheus Nascimento: joia do Botafogo no centro de uma disputa contra gigante europeu, mas Alvinegro não desiste | Foto: Vitor Silva / Botafogo / Divulgação

Assim, o clube anuncia que vai fazer “jogo duro”, podendo até suportar o ataque do clube Blanco, atual campeão da Champions League. Isso de acordo com o portal “AS” e graças ao empresário John Textor, principal acionista do Botafogo S.A., que entrou no circuito.

Relacionadas

Raphinha Barcelona
Lisandro Martínez
Lewandowski

“Vamos fazer uma oferta que é uma oportunidade única na vida e que nenhum menino jamais viu no Brasil”, diz o empresário americano, em notícia divulgada nesta quinta-feira. Matheus Nascimento é parte do projeto que Textor tem para o clube carioca. “Se não renovar, prefiro vender”, completou o “dono” do Botafogo.

Leia também

Publicidade

PSG avança nas negociações para ter joia francesa

Manchester United tenta Dembélé para reforçar o ataque

Hulk em jogo grande? Os memes da vitória do Flamengo sobre o Galo

Publicidade

Uma novela a menos no Bayern: Gnabry bate o martelo sobre o futuro

John Textor promete mover mundos, mas não será fácil segurar Matheus Nascimento contra o Real Madrid – (Foto: Divulgação)

Assim, o que sustenta a posição do Alvinegro é o poder econômico do empresário.

“Além de uma oferta financeira muito lucrativa, ofereceríamos a ele (Matheus Nascimento) possibilidade de jogar por empréstimo de três meses a cada temporada em um dos clubes que tenho na Europa”, afirmou Textor.

Publicidade

Vale lembrar que ele é dono do Crystal Palace, da Inglaterra, além do Olympique de Lyon. “Assim, o salto para o futebol europeu será mais fácil para o Matheus”, argumentou.

Você pode se interessar por:

Maior problema para CR7 encontrar um novo clube se chama Cristiano Ronaldo

Barcelona faz gol improvável em amistoso

Publicidade

A intenção do dono do Botafogo é fazer de qualquer oferta do Real Madrid uma pechincha. Entretanto, ele não tem tanta  vantagem. O jovem atacante está amarrado com uma cláusula de rescisão de 50 milhões de euros – cerca de R$ 271 milhões – , mas o clube carioca detém apenas 60% dos direitos econômicos do jogador, que por sua vez tem 30%. Os 10% restantes pertencem ao centro de treinamento mantido por Textor, o “Trops Youth Development Center”.

Ainda assim, pode-se dizer que o Real Madrid está na briga. “Até onde eu sei, o pai do menino (Matheus Nascimento) conversou com pelo menos uma dezena de clubes”, admite Textor, que quer uma solução rápida para o futuro da pérola: “mas eu prefiro vendê-lo em breve”, finalizou.

Comentários