Publicidade

Foi de virada. O Manchester City eliminou o Borussia Dortmund nas quartas de final da Champions League nesta quarta-feira com um triunfo por 2 a 1 na Alemanha. Os alemães saíram na frente, mas permitiram a reação do time dirigido por Pep Guardiola.

Manchester City comemora contra o Borussia Dortmund (Foto: Uefa)

A classificação do Manchester City foi com autoridade, apesar de não ter sido tranquila. O time inglês já havia ganho por 2 a 1 na ida.

MAIS! Sonho do Barcelona de ter Haaland na próxima temporada esbarra em agente do jogador

Publicidade

Com a classificação o time de Pep Guardiola agora terá um desafio grande pela frente nas semifinais. Vai medir forças com O PSG, que eliminou o atual campeão Bayern de Munique.

Borussia Dortmund abriu o marcador

Bellingham e Haaland comemoram o gol do Borussia (Foto: Uefa)

Pressionando desde o começo do jogo, o Borussia Dortmund abriu o marcador aos 14 minutos. Em jogada que teve Haaland fazendo o lance de fundo, a bola sobrou na área para Bellingham. O jovem de 17 anos ajeitou com rapidez e chutou sem chances para o goleiro brasileiro Ederson.

A desvantagem no marcador fez com que o time de Pep Guardiola se lançasse ao ataque. A partir daí o jogo virou um defesa contra ataque. Aos 24 minutos De Bruyne roubou a bola de Morey, dentro da área, e acertou o travessão! Bernardo Silva quase aproveita o rebote, mas a cabeçada foi para fora.

Publicidade

Aos 31 minutos Mahrez tabelou com Foden, entrou na área e chutou para vencer o goleiro Hitz. Mas Bellingham evitou o gol de empate do City salvado a bola na linha.

City voltou arrasador

mahrez chuta para marcar o primeiro gol do City (Foto: Uefa)

Na volta para o segundo tempo a pressão do Manchester City fez efeito e o time empatou aos oito minutos. Zinchenko e Can acabou tocando na bola com o braço. Pênalti marcado e convertido por Mahrez.

A igualdade no marcador fez o jogo ficar mais aberto. O Borussia Dortmund buscando o gol que levaria o jogo para os pênaltis. O City tentando o tento que praticamente definiria a fatura. Aos 23 minutos Hummels, de cabeça, quase venceu a meta inglesa. A bola passou muito perto da trave de Ederson.

Publicidade

Apesar do jogo aberto foi o City que foi mais eficiente e conseguiu a virada aos 29 minutos. Após jogada ensaiada em cobrança de escanteio a bola chegou para o chute certeiro de Foden. Hitz ainda tocou na bola, mas não conseguiu evitar o gol. Depois disso o City ainda teve a chance de ampliar, mas o classificado já estava definido.

Haaland deu constante trabalho aos defensores do City (Foto: Uefa)

Agora o Manchester City volta as suas atenções para o clássico contra o Chelsea pelas semifinais da Copa da Inglaterra. Os times se enfrentam no sábado. Já o Borussia Dortmund recebe o Werder Bremen no domingo pela Bundesliga. O time de Haaland faz má campanha, fora até da zona de classificação para a Champions League.