Publicidade

A história já havia sido feita. A luta contra o racismo ganhou um dia icônico nesta terça-feira, quando PSG e Istanbul Basaksehir se retiraram de campo após declaração racista do quarto árbitro a um membro da comissão técnica do clube turco. Nesta quarta-feira, eles terminaram o jogo – o clube francês venceu por 5 a 1, na França. O placar foi mero detalhe. Antes de a bola voltar a rolar, novas manifestações na luta contra o racismo. Os atletas, comissões técnicas e os novos árbitros usaram uma camisa com os dizeres “não ao racismo” e depois se ajoelharam no centro do gramado.

Neymar PSG Champions League Neymar brilhou na Champions | Foto: Uefa

Em campo, o futebol mostrou o que tem de mais belo: talento e bola na rede. Neymar, um dos atletas a se posicionar contra o racismo, fez um hat-trick e brilhou em campo. Mbappé marcou duas vezes.

LEIA MAIS! ‘Racismo está na moda’, diz Jorge Jesus sobre episódio na Champions League

Publicidade

Com a goleada, o PSG garantiu a primeira colocação do Grupo H da Champions League, com 12 pontos. O Istanbul já estava eliminado e sem chances de Liga Europa. Quem avançou no segundo lugar foi o Leipzig, que desbancou o Manchester United na terça-feira.

Neymar faz hat-trick

O show de Neymar não demorou para começar. Aos 21 minutos (o jogo foi reiniciado aos 14), ele recebeu, girou o corpo, deu uma caneta no adversário e bateu colocado: um belo gol. Aos 38, o craque brasileiro concluiu após contra-ataque iniciado por Rafinha Alcântara e que também contou com a participação de Mbappé: 2 a 0.

Na reta final do primeiro tempo, Neymar sofreu pênalti, confirmado pelo VAR. A arbitragem havia anulado o lance, que resultou em gol, após impedimento de Bakker. Porém, o brasileiro sofreu falta antes do lance irregular. Mbappé cobrou e ampliou para 3 a 0.

Publicidade

Neymar chegou ao hat-trick (pelo menos três gols no mesmo jogo) logo no começo da etapa final. Aos cinco minutos, ele tabelou com Di María e chutou sem chances: 4 a 0. Topal descontou para o Istanbul. A bola desviou nele, após chute de Kahveci, e entrou.

Em novo contra-ataque, Mbappé recebeu de Di María e fez 5 a 1.

Atalanta segura o Ajax e avança na Champions League

A Atalanta deu o bote no fim do jogo e se garantiu nas oitavas de final da Champions League. Em confronto direto, o clube italiano fechou o Ajax, fora de casa, por 1 a 0, gol de Muriel.

Atalanta Champions League Muriel fez o gol da vitória da Atalanta | Foto: Uefa

Publicidade

Com a vitória, a Atalanta, que tinha a vantagem do empate, pulou para 11 pontos e se garantiu na segunda colocação do Grupo D. O Ajax, terceiro colocado, vai para a Liga Europa.

O Ajax, dono da casa, bem que tentou, mas não conseguiu chegar à vitória. O clube holandês perdeu chances de gol e viu a situação ficar ainda mais complicada quando Gravenberch foi expulso na reta final do jogo. A Atalanta, então, deu o bote. Muriel foi lançado e marcou o gol da vitória. Classificação garantida.

No outro jogo do grupo, o Liverpool, garantido como primeiro colocado, empatou com Midtjylland, fora de casa, por 1 a 1. Salah marcou para os ingleses, enquanto Scholz deixou tudo igual.