Publicidade

O Liverpool se estabelece como principal força do grupo da morte da Champions League. Além disso, o clube inglês joga a pressão para os rivais. Eles que lutem! Nesta terça-feira, em Portugal, o Liverpool fez 5 a 1 no Porto.

Com 100% de aproveitamento – passou pelo Milan na estreia -, o Liverpool marca território no Grupo B da Champions League e vai mostrando ser o favorito para ficar com um das duas vagas para as oitavas de final. O Porto, após segurar o Atlético de Madrid, na Espanha, na estreia, agora tem duelos decisivos com o clube italiano.

Liverpool Porto Champions League A festa de Salah | Foto: Uefa

Na próxima rodada, o Porto recebe o Milan, no dia 19 de outubro, às 16h (horário de Brasília), enquanto o Liverpool visita o Atlético de Madrid, no mesmo dia e horário.

Relacionadas

Shakhtar Inter de Milão Champions League
Jorge Jesus Benfica

Publicidade

O Liverpool resolveu a parada contra o Porto ainda no primeiro tempo. Salah, aos 18 minutos, colocou o clube inglês na frente. Mané ampliou aos 45.

A situação do Porto ficou ainda pior na etapa final. Salah, aos 15 minutos, fez 3 a 0. Os donos da casa descontaram com Taremi. Entretanto, o clube inglês não deu brechas para uma possível reação. O brasileiro Roberto Firmino marcou duas vezes e definiu o placar.

Atlético de Madrid vira sobre o Milan

No outro jogo do grupo, o Atlético de Madrid aproveitou o contexto para virar sobre o Milan e complicar a vida do clube italiano na Champions League. Nos acréscimos, o time de Simeone chegou ao 2 a 1, na Itália.

Griezmann Milan x Atlético de Madrid Griezmann iniciou reação do Atlético de Madrid | Foto: Uefa

Publicidade

O Milan saiu na frente com Rafael Leão, aos 20 minutos, mas viu o jogo ganhar contorno de drama. Kessié foi expulso ainda no primeiro tempo, aos 29.

O clube italiano resistiu o quanto pôde. O Atlético de Madrid precisou se lançar ao ataque. Griezmann aos 39 minutos do segundo tempo empatou. Foi o primeiro gol do francês no retorno ao clube.

Ainda deu tempo de buscar a virada. Aos 52 minutos, Suárez, de pênalti, fez 2 a 1. O Atlético de Madrid agora tem quatro pontos e está na vice-liderança. O Milan continua zerado.

Comentários