Publicidade

A Seleção Brasileira aperta o passo rumo à Copa do Mundo e venceu um teste com propriedade. Nesta quinta-feira, o Brasil fez 5 a 1 na Coreia do Sul, em amistoso disputado em Seul.

Na reta final da preparação para o Catar, Tite vê convicções darem resultado. Alex Sandro foi um dos destaques da goleada brasileira. Richarlison, novamente, balançou a rede. Neymar, com liberdade, deu ritmo à Seleção. O craque, por sinal, era dúvida, após um pisão no pé direito. Ele marcou duas vezes. Philippe Coutinho, que entrou no segundo tempo, ampliou e Gabriel Jesus fechou a goleada.

Neymar e Richarlison Seleção Brasileira Neymar e Richarlison foram bem contra a Coreia do Sul | Foto: Lucas Figueiredo / CBF / Divulgação

O Brasil tem mais um teste contra outra seleção que vai estar na Copa do Mundo. Nesta segunda-feira, a Seleção Brasileira enfrenta o Japão, nesta segunda-feira, às 7h20 (horário de Brasília), em Tóquio. Depois deste compromisso, a Seleção vai ter mais uma data Fifa antes da convocação para o Mundial.

Relacionadas

Tchouaméni
Di María Argentina Itália Finalíssima

O duelo entre Brasil e Coreia do Sul

Publicidade

A Seleção Brasileira começou com tudo e logo marcou no primeiro minuto. Após cobrança de falta, Thiago Silva marcou. Contudo, ele estava impedido. O lance foi anulado. Aos seis, a Coreia do Sul não escapou. Alex Sandro desceu pela esquerda e achou Fred. Richarlison desviou o chute do volante e fez 1 a 0.

Richarlison Seleção Brasileira Brasil Richarlison está em alta na Seleção | Foto: Lucas Figueiredo / CBF / Divulgação

O atacante do Everton vive bom momento com a Seleção Brasileira. Richarlison fez gol nos compromissos de março. Vai conquistando vaga para o Mundial.

A Coreia do Sul chegou com perigo aos 11, mas Weverton apareceu bem para defender finalização de Hwang e depois de Son.

Publicidade

O Brasil levou o empate aos 30 minutos. Hwang girou sobre Thiago Silva e chutou cruzado: 1 a 1.

Richarlison quase recolocou o Brasil em vantagem, mas parou no goleiro, assim como Daniel Alves. A pressão brasileira deu resultado. O árbitro, após indicação do VAR, deu pênalti em lance com Alex Sandro. Aos 41, Neymar cobrou e fez 2 a 1.

O terceiro gol quase saiu nos acréscimos do primeiro tempo. Thiago Silva acertou o travessão após cobrança de escanteio. Casemiro ainda mandou o rebote por cima.

Publicidade

No segundo tempo, Kim Seung-Gyu salvou lance com Paquetá. Aos 10, novo pênalti para o Brasil, em mais uma jogada envolvendo Alex Sandro. Neymar bateu outra vez e vez 3 a 1.

O Brasil não tirou o ritmo e pressionou a Coreia do Sul. Vinicius Júnior, que entrou no segundo tempo, quase ampliou. Já Raphinha acertou a trave.

Quem fez o quarto foi Philippe Coutinho, outra alteração da etapa final. Ele se aproveitou de vacilo da zaga rival e fez 4 a 1, aos 34 minutos.

Publicidade

Gabriel Jesus, outro nome que entrou no segundo tempo, fechou a goleada aos 47. Ele fez jogada individual e marcou um belo gol. O atacante do Manchester City não marcava havia 19 jogos pela Seleção Brasileira.

Comentários