Publicidade

Cristiano Ronaldo já tem uma Bola de Ouro em casa | Foto: Fifa via Getty Images

Cristiano Ronaldo, Benzema, Bale, Sergio Ramos, Luan, Geromel, Marcelo Grohe, Everton…  candidatos não faltam. Quem será o Bola de Ouro do Mundial de Clubes? Grêmio e Real Madrid se enfrentam neste sábado, nos Emirados Árabes. O prêmio ao melhor jogador da competição será dado pela 14ª vez na história do torneio. Em apenas uma vez a honraria não foi para um atleta do time campeão.

LEIA MAIS

Publicidade

Grêmio pode igualar disputa entre Brasil e Espanha no Mundial
Cristiano Ronaldo se torna o maior artilheiro do Mundial de Clubes
No Mundial de Clubes da Fifa, apenas clubes brasileiros roubaram títulos dos europeus
Fifa ameaça excluir a Espanha da Copa do Mundo da Rússia
Qual clube brasileiro foi mais procurado no Google em 2017?

Cinco brasileiros (contando com Deco, naturalizado português) ganharam a Bola de Ouro do Mundial, sendo que três atuando por times do país. Edilson, em 2000, foi o primeiro vencedor do prêmio, com o Corinthians. Depois, Rogério Ceni (São Paulo, em 2005), Deco (Barcelona, em 2006, no único caso em que o time campeão não teve o Bola de Ouro – o Internacional ganhou o título), Kaká (Milan, em 2007) e Cássio (Corinthians, em 2012).

Real Madrid tem dois Bolas de Ouro

O Grêmio vai enfrentar dois Bolas de Ouro na final. Sergio Ramos faturou o prêmio em 2014, enquanto Cristiano Ronaldo venceu no ano passado, quando marcou três vezes na final contra o Kashima Antlers.

Publicidade

Por falar em Cristiano Ronaldo, ele pode se igualar a Messi, em novo capítulo da rivalidade entre os dois. O craque do Barcelona é o único atleta que ganhou a Bola de Ouro duas vezes.

Confira todos os Bolas de Ouro do Mundial

2000 – Edilson (Corinthians)
2005 – Rogério Ceni (São Paulo)
2006 – Deco (Barcelona)
2007 – Kaká (Milan)
2008 – Wayne Rooney (Manchester United)
2009 – Messi (Barcelona)
2010 – Samuel Eto’o (Inter de Milão)
2011 – Messi (Barcelona)
2012 – Cássio (Corinthians)
2013 – Franck Ribéry (Bayern de Munique)
2014 – Sergio Ramos (Real Madrid)
2015 – Luis Suárez (Barcelona)
2016 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid)