Publicidade

O drama financeiro cobrou um preço alto ao Barcelona e resultou na saída de Messi. O clube anunciou que não será possível renovar contrato com o craque. Uma bomba. É o fim de uma era. Presidente do Barça, Joan Laporta concedeu coletiva nesta sexta-feira para abordar o tema.

Por sinal, Laporta vê fracassar a principal missão no retorno à presidência do Barcelona, que era justamente manter Messi.

Messi Barcelona Messi está fora do Barcelona | Foto: Uefa

– Quero deixar claro que Leo queria ficar e que o clube queria que ele ficasse. É a sua casa – declarou Laporta. Ele voltou a pontuar o drama financeiro do Barcelona:

Publicidade

– Temos uma instituição com 122 anos de história, que está acima de tudo, de todos os jogadores, inclusive do melhor jogador do mundo, do presidente. Ele nos deu tanta coisa, estaremos agradecidos eternamente. Os motivos pelos quais não pudemos e decidimos (não renovar) foram as razões econômicas muito claras, em que se encontram a entidade – declarou Laporta.

Relacionadas

Messi
Grealish Manchester City
Ramsey Juventus

Barcelona se despede de Messi

O Barça havia chegado a um acordo de renovação com Messi, mas precisou recuar. O clube precisa reduzir a folha salarial para se enquadrar nos limites impostos pela La Liga. O presidente aponta que o craque argentino tem oferta no mercado da bola.

Barcelona faz primeira ofensiva por volante no mercado da bola

Publicidade

– Não quero gerar falsas expectativas. Há um tempo limite e o jogador tem outras propostas. Leo colocou todas as facilidades possíveis: jogar dois anos e o pagaríamos em cinco. Queríamos que o “pós-Messi” começasse em dois anos, mas não foi possível. Temos que conseguir que o Barça, sem Messi, siga dando alegrias aos torcedores – acrescentou.

Comentários