Publicidade

O Atlético de Madrid decidiu não prosseguir com a adesão ao projeto da Superliga. Nesta quarta-feira o clube anunciou que não integra mais o núcleo formado recentemente. De acordo com o comunicado emitido pela manhã, a decisão é irrevogável.

Diego Simeone Atlético de Madrid, de Simeone, aderiu à Superliga na última segunda-feira, mas já está fora da competição | Foto: Gonzalo Arroyo Moreno/Getty Images

Conforme o documento, “O Conselho de Administração do Atlético de Madrid, reunido esta quarta-feira de manhã, decidiu comunicar formalmente à Superliga aos restantes clubes fundadores a sua decisão de não formalizar definitivamente a sua adesão ao projeto”.

Repercussão

O clube tomou a decisão de aderir ao projeto na última segunda-feira (19). No entanto, a repercussão e as reações dos torcedores fizeram a diretoria do Atlético de Madrid voltar atrás.

Publicidade

Ainda de acordo com o comunicado elenco e treinador receberam com bons olhos a notícia. “O elenco principal e o seu treinador mostraram-se satisfeitos com a decisão do clube, entendendo que o mérito desportivo deve prevalecer sobre qualquer outro critério”.

Comentários