Publicidade

Cristiano Ronaldo reclamou de ser poupado e entrou no segundo tempo da goleada de 7 a 0 sobre Andorra em amistoso na quarta-feira. Mas ele conseguiu deixar a sua marca e fez um gol. Assim chegou aos 102 com a camisa de Portugal e está cada vez mais perto de se tornar o jogador com mais gols com a camisa de uma seleção.

Cristiano Ronaldo entrou no segundo tempo, mas, pergunte se ele fez o dele? Cristiano Ronaldo deixou a marca contra Andorra ( Foto: PATRICIA MOREIRA/AFP via Getty Images)

Agora faltam sete para ele igualar o iraniano Ali Daei. Assim estará no topo dos maiores artilheiros por seleções.

Leia também

Neymar quer fechar com o PSG, mas exige escolher reforços
O comentário machista do técnico da Colômbia

Publicidade

O top 10 dos maiores artilheiros por seleções tem apenas Cristiano Ronaldo em atividade. Assim o craque português pode correr sozinho na sua trajetória. Pelo menos até alguém encostar. Mas vai ser difícil. Pelé, por exemplo, fez “apenas” 77 gols pela Seleção Brasileira. Além disso hoje tem menos jogos por seleções. Entretanto o Portuga não dorme no ponto.

Abaixo o top 10 dos maiores artilheiros por seleções:

10 – Majed Abdullah

Majed Abdullah abre o top 10 (Foto: Fifa)

Com 71 gols em 116 jogos, o artilheiro Majed Abdullah, da seleção da Arábia Saudita, abre a lista de artilheiros. Ganhou duas Copas da Ásia e disputou a Copa do Mundo de 1994.

9 – Bashar Abdullah

Bashar Abdullah era artilheiro nato (Foto: Fifa)

Publicidade

Com a camisa da seleção do Kuwait, Bashar Abdullah fez 75 gols em 133 jogos. Assim figura na lista com justiça.

8 – Sándor Kocsis

Sándor Kocsis tinha muito talento (Foto: Fifa)

Fiel escudeiro de Puskas, Sándor Kocsis tem 75 gols em 68 jogos pela Hungria. Média de mais de um gol por partida.

7 – Pelé

Pelé tem 77 gols pela Seleção Brasileira (Foto: Fifa)

O Atleta do Século teve 77 gols em 92 jogos com a camisa da Seleção Brasileira. O ranking segue critérios da Fifa, pois a CBF contabiliza 95 gols.

6 – Hussein Saeed

Hussein Saeed batia como poucos na bola (Foto: Uefa)

Publicidade

O futebol do Iraque reverencia até hoje o artilheiro Hussein Saeed. Ele 78 gols em 137 partidas. Depois que se aposentou virou presidente da Federação Iraquiana de Futebol.

5 – Chitalu

Chitalu era oportunista (Foto: CAF)

O quinto colocado é o oportunista Chitalu. Ele tem 79 gols em 108 partidas pela seleção da Zâmbia.

4 – Kunishige Kamamoto

Kunishige Kamamoto era habilidoso (Foto: Fifa)

A facilidade com que penetrava nas defesas marcou o japonês Kunishige Kamamoto. Outra média maravilhosa com 80 gols em 84 partidas. Assim figura na lista com sobras.

3 – Puskas

Puskas foi um dos maiores craques de todos os tempos (Foto: Fifa)

Publicidade

A média de Puskas é maravilhosa. Com 89 jogos pela Hungria, anotou 84 gols. Foi vice-campeão mundial em 1954.

2 – Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo está cada vez mais perto do topo (Foto: Uefa)

Com os dois gols anotados contra a Suécia, CR7 chega a 102 gols por Portugal. Disputou 165 partidas pelo time lusitano.

1 – Ali Daei

Ali Daei está no topo. Mas por enquanto… (Foto: Fifa)

 

Publicidade

Hoje treinador de futebol, Ali Daei é o maior goleador de uma seleção. Tem 109 gols nas 149 partidas que disputou pela seleção iraniana. O feito se torna ainda mais importante pois ele não defendia uma equipe de ponta. Esteve nas Copas do Mundo de 1998 e 2006.